CAMBOATÁ NO CLUBE DO CHORO DE BRASÍLIA

Camboatá é um projeto de performance musical, poesia e dança que conta a história de mulheres negras brasileiras utilizando cantigas de capoeira. Em sua performance o Camboatá tem três personagens.

Dona Maria do Camboatá:
Representada pela cantora e compositora Naiara Lira, Dona Maria representa a liberdade física da mulher, liberdade de fazer artes marciais, de malhar, de ser "bombada", se ela quiser, e de nem por isso deixar de ser mulher. Dona Maria joga capoeira, troca resistência de chuveiro, conserta trava de carro, troca pneu e abre pote de azeitona (liberando o ar com uma colher).

Salomé:
Representada pela cantora Mabô Borges, Salomé representa a não submissão da mulher ao homem, a liberdade intelectual. Ela é livre para ir e vir como bem entender, ela tem uma profissão, é independente e bem sucedida. "Adão" é o cara parceiro que não precisa usar mulher de escada pro seu próprio sucesso. Mas deixe isso pra outro momento, o momento agora é de Salomé: linda, preta, inteligente e dona do seu nariz!

Aidê:
Representada pela cantora e compositora Léticia Nascimento, Aidê representa o direito de toda mulher à beleza, a sensualidade. Aidê representa a liberdade da mulher em relação ao seu próprio corpo e a sua própria sexualidade.

Como surgiu o Camboatá:
Durante os anos de 2012, 2013 e 2014, Naiara Lira teve a oportunidade de visitar a Europa fazendo shows de samba. Durante essas viagens, visitou grupos de capoeira na Holanda, Sérvia e Hungria, além de conhecer capoeiristas de pelo menos mais 5 países. A capoeira tem se espalhado pelo mundo de forma bonita e eficaz, levando além da nossa ginga e movimentos, a nossa música e a nossa língua.

Em 2013 Naiara passou a treinar capoeira, percebeu a deficiência que os capoeiristas tem em relação às cantigas e as histórias dessas cantigas. Muitas delas tem letras extremamente machistas e racistas, mas a apresentação de novas propostas tem sido bem- vindas.

Em 2014 quando Naiara voltou à Sérvia, já como capoeirista e teve a oportunidade de treinar com eles. Foi pedido a cantora que cantasse uma cantiga, a recepção foi calorosa à chegada de sua voz, da brasilidade e das cantigas. Foram tão admiráveis que Naiara reconheceu um público promissor. Em três anos de shows, shows que sempre foram muito bem recebidos na Europa.

Em seu retorno ao Brasil, Naiara Lira foi convidada a cantar em um evento de graduação de mestre em Brasília, percebeu então que não só o estrangeiro, mas o próprio brasileiro capoeirista tem sede de uma profissionalização da sua música, algo que não invalide a informalidade do canto na roda de capoeira, que possa servir de inspiração para o capoeirista e para o leigo poder levar adiante não só o jogo, mas também a história da nossa cultura afro-brasileira, além da musicalidade que no fim, é o que marca a brasilidade da capoeira.

Assim a história foi acontecendo. Camboatá fechou o ano de 2015 com show no Brazilian Day na Austrália e Batismo de mestres do Beribazu na UnB - Universidade de Brasília.

Para o show no Clube do Choro de Brasília, Camboatá conta com a participação especial dos queridos músicos: Gabriela Tunes, Marcos Anco e Mariano Toniatti. Além de surpresas aos capoeiristas e ao público da casa.

Hoje o Camboatá é grato por poder partilhar seu trabalho e pesquisa.

A apresentação acontece dia 27 de Fevereiro de 2016 – sábado a partir das 21:00 horas. Ingressos: R$ 15,00 (meia) e R$30,00 (inteira)

Informações: Tel.: 3224.0599. Ingressos: Clube do Choro de Brasília – SDC BLOCO “G” - Funcionamento da bilheteria: 2ª a 6ª feira: 10:00 às 22:00 horas. Sábado a partir de 19:00 as 21:30 horas, ou através do site: www.clubedochoro.com.br

O Clube do Choro de Brasília fica entre a Torre de TV, o Centro de Convenções e o Planetário.
Não recomendado para menores de 14 anos

==> Foto: Divulgação

0 comentários:

Postar um comentário