Com show de Tandara, Vôlei Nestlé vence Brasília Vôlei e continua invicto em casa

Vitória como mandante e Vôlei Nestlé são sinônimos na Superliga 2016/17. Nesta sexta-feira (10), o time de Osasco superou o Terracap/BRB/Brasília Vôlei, no ginásio José Liberatti, por 3 sets a 1, parciais de 25/23, 20/25, 25/18 e 30/28, com duração de 2h08min. Em nove partidas em casa, Tandara e suas companheiras estão com 100% de aproveitamento. A ponteira estava em noite inspirada. Foi a maior pontuadora do confronto, com 29 acertos, e recebeu o troféu VivaVôlei. São 40 pontos, com 13 resultados positivos em 16 rodadas.

Tandara destacou o ataque e valorizou a conquista dos três pontos. "Foi muito importante ter conquistado esses três pontos. A derrota lá em Brasília estava entalada pela forma que foi. A partida foi bastante difícil porque elas jogaram bem taticamente e sacaram com eficiência. Sofremos um pouco no passe, mas em alguns momentos o ataque resolveu e foi primordial. Ainda errei em alguns momentos que não podia errar. Mas a vitória veio e só tenho que agradecer a torcida do Vôlei Nestlé que sempre empurra demais. É um resultado para aumentar a nossa confiança", afirmou a ponteira.

Na reta final, quando a partida era disputada ponto a ponto, o juiz de linha marcou fora uma bola dentro no saque de Bjelica. O técnico Luizomar reclamou e pediu a utilização do desafio na fase final da Superliga. "A gente fica preocupado quando um jogo decidido nos detalhes, com um set disputado ponto a ponto, e ocorre um erro de arbitragem. Está na hora de ter o desafio e tomara que pensem na utilização dele nos playoffs, para que possamos sair com o sentimento de dever cumprido. O juiz não pode errar uma bola daquelas em um jogo de 30 a 28", disse o treinador.

O Vôlei Nestlé permanece na terceira posição, porém, com dois jogos a menos que o vice-líder Dentil/Praia Clube, com 43 pontos, e o primeiro colocado, Rexona-Sesc, 50. O próximo compromisso da equipe de Osasco será diante do Fluminense, na terça-feira (14), às 19h30, novamente no José Liberatti, pela sexta rodada do segundo turno da Superliga. No primeiro turno, no Rio de Janeiro, Dani Lins e suas parceiras conquistaram três pontos com uma vitória por 3 a 0, parciais de 25/14, 28/26 e 30/28. A levantadora foi eleita a melhor em quadra e Tandara a maior pontuadora, com 16 acertos.

O jogo - Primeiro set foi equilibrado, como era de se esperar. A partir da metade, o Vôlei Nestlé abriu vantagem de 4 pontos (18/14), mas permitiu reação do Brasília, que empatou em 23/23. A sérvia Bjelica dominou um contra-ataque e fez um bloqueio para fechar em 25/23. O bloqueio, aliás, foi a diferença, 5 a 2 para as mandantes. A sérvia, a mais eficiente, marcou 7 vezes.

Panorama totalmente invertido. As visitantes quase não erraram e abriram vantagem na fase decisiva da série até finalizar em 25/20. O bloqueio mais uma vez definiu, desta vez para Brasília, 5 a 0. Mesmo assim, Tandara marcou 8 pontos.

O saque melhorou (2 pontos), a concentração e foco voltaram e o bloqueio funcionou (4 pontos). Com estes ingredientes, o Vôlei Nestlé dominou o terceiro set e finalizou rapidamente em 25/18, com bloqueio de Bia. Bjelica foi o destaque com 5 pontos.

Set mais equilibrado do jogo e com uma atuação espetacular de Tandara, que marcou 9 pontos. As duas equipes erraram muito pouco e fizeram vários ralis. Brasília teve 5 set points, mas o Vôlei Nestlé buscou e empatou em 28/28. Aí Tandara brilhou com um ace e Malesevic fechou com um bloqueio, 30/28 e números finais: 3 sets a 1.

Pelo Vôlei Nestlé jogaram e marcaram: Dani Lins (1), Bjelica (13), Tandara (29), Malesevic (16), Bia (13), Nati Martins (9) e a líbero Camila Brait. Entraram: Carol Albuquerque, Paula (2), Gabi e Clarisse. Técnico: Luizomar de Moura.

Pelo Terracap/BRB/Brasília Vôlei jogaram e marcaram: Macris (1), Andréia (14), Vivian (14), Roberta (14), Amanda(14) , Paula Pequeno (9) e a líbero Silvana. Entraram: Letícia (1), Fernanda, Ana Paula e Mari Helen. Técnico: Anderson Rodrigues.

Nestlé busca sexto título - A Nestlé tem uma história vitoriosa no vôlei brasileiro e, até o momento, possui cinco títulos da Superliga. Na década de 1990, o Leite Moça ganhou a competição nas edições de 1994/95, 1995/96 e 1996/97. O time daquele período contava com craques como Fernanda Venturini, Ana Moser, Virna e Leila. A empresa retornou ao esporte em 2009, quando assumiu a equipe de Osasco. Na segunda versão do patrocínio, o Sollys/Nestlé foi campeão em 2009/10 e 2011/12. Os dois troféus foram conquistados sob o comando de Luizomar e o time contava com Carol Albuquerque na primeira e com Camila Brait na segunda.

Osasco também almeja o hexa - Pentacampeão nacional, o clube de Osasco também está na briga por sua sexta taça da Superliga. Com o antigo patrocinador, a agremiação subiu no topo do pódio em 2002/03, 2003/04 e 2004/05. Já com a Nestlé de parceiro, o time foi campeão em 2009/10 e 2011/12.

Nutrindo os Sonhos dos Jovens - De olho no futuro e na nova geração do vôlei brasileiro, o Vôlei Nestlé reforçou o DNA de seu projeto ao firmar parceria com o Programa Global "Nutrindo os Sonhos dos Jovens", lançado pela Nestlé na Europa em 2013 e que chegou ao Brasil no final de 2015. O time para a temporada 2016/17 apresenta uma mescla de atletas experientes com jovens que buscam espaço em um clube tradicional como Osasco. Jogadoras vitoriosas e consagradas como Carol Albuquerque, Dani Lins, Tandara e Camila Brait serão as mentoras das novatas. O programa está voltado para a capacitação de jovens para qualificá-los profissionalmente.

Tabela da Superliga

2º turno:
07/01 - São Cristóvão Saúde/São Caetano 0 x 3 Vôlei Nestlé - Manaus
13/01 - Pinheiros 3 x 2 Vôlei Nestlé - São Paulo
21/01 - Vôlei Nestlé 3 x 0 Sesi-SP - Osasco (RedeTV)
03/02 - Rio do Sul 0 x 3 Vôlei Nestlé - Rio do Sul
10/02 - Vôlei Nestlé 3 x 1 Terracap/BRB/Brasília Vôlei - Osasco (SporTV)
14/02 - 19h30 - Vôlei Nestlé x Fluminense - Osasco
17/02 - 20h00 - Camponesa/Minas x Vôlei Nestlé - Belo Horizonte
23/02 - 19h30 - Vôlei Nestlé x Dentil/Praia Clube - Osasco
03/03 - 21h30 - Rexona-Sesc x Vôlei Nestlé - Rio de Janeiro (SporTV)
07/03 - 19h30 - Renata Valinhos/Country x Vôlei Nestlé - Valinhos
11/03 - à definir - Genter Vôlei Bauru x Vôlei Nestlé - Bauru

1º turno:
29/10 - Vôlei Nestlé 3 x 1 São Cristóvão Saúde/São Caetano - Osasco
01/11 - Vôlei Nestlé 3 x 0 Rio do Sul - Osasco
04/11 - Vôlei Nestlé 3 x 1 Pinheiros - Osasco
12/11 - Sesi-SP 0 x 3 Vôlei Nestlé - São Paulo
22/11 - Terracap/BRB/Brasília Vôlei 3 x 0 Vôlei Nestlé - Brasília
26/11 - Fluminense 0 x 3 Vôlei Nestlé - Rio de Janeiro
03/12 - Vôlei Nestlé 3 x 0 Camponesa/Minas - Osasco
09/12 - Dentil/Praia Clube 3 x 2 Vôlei Nestlé - Uberlândia
13/12 - Vôlei Nestlé 3 x 2 Rexona-Sesc - Osasco
16/12 - Vôlei Nestlé 3 x 0 Renata Valinhos/Country - Osasco
22/12 - Vôlei Nestlé 3 x 0 Genter Vôlei Bauru - Osasco

==> Foto: João Pires / Fotojump

0 comentários:

Postar um comentário