Espetáculo discute a importância das cartas com apresentações em todo o DF

Há quanto tempo você não manda uma carta? Talvez as novas gerações não saibam sequer como se comunicar através deste meio, que já foi a principal forma de conversação em longa distância. Um espetáculo que circulará por todo o Distrito Federal tem como objetivo resgatar, de forma poética, esta forma de interação. Sob a direção de Isabella de Andrade, e com atuação e concepção de Letícia Rodrigues, “Toda Carta Tem História” ganha espaços públicos e escolas do DF a partir de 18 de novembro, com toda a programação gratuita.

O monólogo traz uma reflexão sobre a relação que estabelecemos com o tempo em nosso cotidiano. As cartas e suas histórias são o fio condutor do espetáculo, sendo utilizadas como um jogo, uma brincadeira, uma resistência ao ritmo desenfreado da vida contemporânea. A inspiração dramatúrgica da atriz Letícia Rodrigues para criação do projeto reside em cartas enviadas por pessoas comuns, com intuito de realizar uma troca dialógica entre o cotidiano desenfreado e a quebra deste cotidiano a partir da linguagem teatral.

Com título original “Correspondências, Cartas e outras conexões offline”, o projeto tem patrocínio do Fundo de Apoio à Cultura e consiste em montagem de espetáculo teatral e programa educativo que visa a valorização da leitura, escrita e das relações interpessoais para além do ambiente virtual. Apresentado em 15 escolas públicas de cinco regiões administrativas do DF (Ceilândia, Samambaia, Guará, Brazlândia e Sobradinho), o projeto ganha, ainda, apresentações em espaços públicos destas cidades, e outras quatro sessões em locais que seguem em definição. Professores das RAs mencionadas podem entrar em contato para solicitar a apresentação em sua escola através do e-mail todacartatemhistoria@gmail.com ou pelo telefone (61) 99609-2865 (Luíza Costa).

Entre as escolas restantes para receber o projeto, está a Classe 01 do Guará, dia 02 de dezembro, às 10h30 e 16h30. As apresentações públicas do projeto acontecem a partir de 3 de dezembro, às 10h, no Espaço Cultural Feira do Guará. De lá, o projeto parte para a Rodoviária de Sobradinho (4 de dezembro, às 16h), Praça do Lago de Brazlândia (8 de dezembro, às 16h), Feira de Samambaia (9 de dezembro, às 10h), e Praça do Cidadão de Ceilândia (10 de dezembro, às 14h).

Apresentações de contrapartida acontecerão, ainda, no UniSer (Universidade do Envelhecimento), no Câmpus da UnB de Ceilândia, dia 29 de novembro, às 15h.

Ficha Técnica
Concepção e atuação: Letícia Rodrigues
Figurino: Letícia Rodrigues, Isabella Andrade, Fabiana Marroni
Consultoria de figurino: Roumier Castro
Roteiro: Letícia Rodrigues
Direção: Isabella Andrade                    
Preparadora Corporal: Fabiana Marroni
Assessoria de Imprensa: Um Nome Comunicação
Coordenação Administrativa: Robson Castro (Cia Inexistente)
Produção: Robson Castro (Cia Inexistente) e Letícia Rodrigues
Fotografia e Filmagem: Thiago Araújo
Designer Gráfico: Thiago Sabino
Assistentes de produção: Luiza Martins Costa. e WL Audio Pro
Apresentação: GDF Secretaria de Cultura e FAC

Serviço – Toda Carta Tem História
Entrada franca
Classificação etária: Livre
Duração: 60 minutos
Informações: (61) 99609-2865 (Luíza Costa) ou
todacartatemhistoria@gmail.com

Apresentações públicas
- 3 de dezembro, às 10h, no Espaço Cultural da Feira do Guará
- 4 de dezembro, às 16h, na Rodoviária de Sobradinho
- 8 de dezembro, às 16h, na Praça do Lago de Brazlândia
- 9 de dezembro, às 10h, na Feira de Samambaia
- 10 de dezembro, às 14h, Praça do Cidadão da Ceilândia

Apresentações confirmadas em escolas
- 2 de dezembro, às 10h30 e 16h30, na Escola Classe 1 do Guará

Apresentações de contrapartida
- 29 de novembro, às 15h, na UniSer (Universidade do Envelhecimento) – UnB – Câmpus Ceilândia

==> Foto: Thiago Araújo

0 comentários:

Postar um comentário