REDAÇÃO ENEM 2016: Dicas para a reta final de estudos preparatórios

Há poucos dias do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), os especialistas de português e redação do Cursinho da Poli reforçam a importância dos critérios da redação. “O aluno precisa ter clareza sobre o que é uma proposta de intervenção, o que é o respeito aos direitos humanos, o que são as competências, o que vai ser avaliado em cada uma das competências, processo de avaliação da própria prova... ", comenta o professor André Valente.

Claudio Caus, também professor de Língua Portuguesa do Cursinho da Poli, dá dicas de alguns temas de atualidades que podem cair na redação. Confira:

1. Concepção de família 
Uma discussão importante nos tempos atuais é sobre a seguinte questão: como é a família dos novos tempos? Por conta das políticas de adoção de crianças por casais homossexuais, por exemplo, cresce também a resistência de grupos religiosos a essas práticas. Dentro de uma ótica social e humana, o estudante deve refletir sobre o que deve prevalecer.

2. Impacto das tecnologias em hábitos históricos 
O avanço das tecnologias educacionais à distância e da qualidade da internet tem permitido que cada vez mais pessoas trabalhem ou estudem sem sair de casa. Isso tem gerado um impacto gigantesco no ritmo da sociedade. Países mais desenvolvidos, como, por exemplo, a Suécia e o Canadá, estão diminuindo o tempo em que as crianças passam na escola e praticamente eliminaram as lições de casa. Isso pode gerar uma mudança sem precedentes na nossa história, em que os indivíduos ficam mais tempo em casa e menos tempo em convívio com outras pessoas.

3. Gênero e identidade 
É um tema complementar ao da concepção de família. Como essa questão vai chegar às novas gerações por meio do ensino? E, principalmente, como vai chegar às camadas mais pobres da população, onde a violência contra pessoas LGBT é mais presente?


Debates em sala de aula
Os professores também ressaltam a relevância dos debates em sala de aula, com objetivo de abrir a mente do aluno para a realidade à sua volta. O resultado desse trabalho tem proporcionado temas antecipados e um texto assertivo para que está quem se preparando para as provas.

Neste ano, a professora de redação Vanessa Mesquita já acertou dois temas, o da Unesp 2016 de julho (‘O conceito de família proposto pelo Estatuto da Família: discriminação contra os outros arranjos familiares?’) e o da FGV .

Segundo Vanessa, a proposta foi discutida no início do ano. "Trabalhamos com os alunos com objetivo de abrir a mente deles para as mudanças que estão acontecendo em nossa sociedade e nossa orientação é despertá-los não apenas para terem conhecimento dos temas, mas para saberem discursar sobre eles e terem argumentos para defender o ponto de vista no texto."

É a quarta vez que a professora acertou um tema de redação de vestibular. Anteriormente, já havia antecipado "publicidade infantil" e "violência contra a mulher", propostas de redação das edições de 2014 e 2015 do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).


Mais algumas dicas dos professores para o candidato se dar bem

• Estudo de atualidades requer busca de fontes diversas no noticiário e contextualização dos fatos. A leitura de jornais e revistas são fundamentais. A elaboração de resumos pode ser uma estratégia interessante para fazer um arquivo e consultar posteriormente os fatos.

• É importante lembrar também que os avaliadores estão em busca de uma visão crítica a respeito do assunto, não a opinião do candidato, suas crenças ou atitudes. Ou seja: é imprescindível estudar a fundo a questão, suas implicações e seus desdobramentos para que seja possível fazer uma argumentação coerente.

==> Foto: Site do Mec

0 comentários:

Postar um comentário