NAILOR PROVETA SE APRESENTA NA CAIXA CULTURAL BRASÍLIA AMANHÃ (17)

A CAIXA Cultural Brasília recebe o clarinetista e saxofonista, Nailor Proveta, na próxima quarta-feira (17), para mais uma edição do projeto Solo Música. O artista traz para o palco um repertório com composições próprias e canções de nomes da música clássica, do jazz e do choro. Os ingressos já estão à venda, por R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada).

O músico nasceu ao som dos instrumentos que seu avô e seu pai tocavam. A facilidade que ele tinha em tocar e improvisar levou Proveta a trabalhar com artistas importantes da Música Popular Brasileira. "Sempre fui muito bem orientado, sempre estudei muito e fui muito disciplinado. Talvez eu tenha descoberto, por exemplo, como tirar uns solos, memorizar os sons e os acordes, sem necessariamente pegar num instrumento. Talvez isso tudo tenha me ensinado a ouvir vários sons ao mesmo tempo", explica Proveta.

Para o show em Brasília, o músico traz no repertório um dos principais componentes de seu estilo como instrumentista, o balanço da música popular brasileira. Além dascomposições próprias, Proveta apresenta canções de nomes como Villa-Lobos, Charlie Parker, Duke Ellington, Paul Desmond e Pixinguinha. O repertório conta ainda com uma canção de Nelson Ayres, composta especialmente para a apresentação na capital.

Sobre o Artista
Nailor Proveta iniciou seus estudos em música aos sete anos de idade. Aos 16 anos seguiu para a capital paulista e integrou a orquestra de Sylvio Mazzuca. Aos 21 anos, começou a tocar no Hotel Maksoud Plaza, em São Paulo, e logo depois participou da primeira formação da Banda Savana. No começo dos anos 90, formou a Banda Mantiqueira com Edson Alves e também fez turnês pelo Brasil com a Orquestra de Ray Coniff.

O primeiro disco de Nailor Proveta foi em parceria com Edson Alves, Rádio (1993). Mais tarde veio seu disco solo, Nailor Proveta - Tocando Para o Interior (2007). O músico participou dos projetos Mulheres do Choro (2001), Princípios do Choro (2002) e Joaquim Callado, o pai dos chorões (2004). Outros destaques da carreira de Proveta são a trilogia Brasileiro saxofone, com o violonista Alessandro Penezzi, e o disco Nonada, com Rodolfo Stroeter, Tutty Moreno, André Mehmari e Teco Cardoso.


SERVIÇO:

Solo Música com Nailor Proveta
Local: Teatro da CAIXA Cultural Brasília (SBS Quadra 4 Lotes 3/4)
Dia: 17 de janeiro de 2018
Horário: quarta-feira, às 20h
Classificação indicativa: não recomendado para menores de 12 anos
Duração: 70 minutos
Ingressos: à venda a partir de 13 de janeiro de 2018 | R$ 20 e R$ 10 (meia entrada)
Meia-entrada: estudantes, professores, funcionários e clientes CAIXA, pessoas acima de 60 anos e doadores de livros.
Capacidade: 406 lugares (8 para cadeirantes) | Acesso para pessoas com deficiência e assentos especiais
Bilheteria: de terça a sexta e domingo, das 13h às 21h, e sábado, das 9h às 21h. Contato: (61) 3206-6456
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal

==> Foto: Elis Ribeirete

0 comentários:

Postar um comentário