Clube do Choro com Nilze Carvalho, Mestrinho e Nicolas Krassik no Brasília 60 anos de Choro

Até o fim do ano, o projeto Brasília 60 anos de Choro receberá shows de mestras e mestres da música brasileira para abrilhantar a agenda cultural da capital do país. A programação que teve início em junho com o artista João Donato segue durante o mês de julho, reservando grandes espetáculos no Clube do Choro e no Centro Cultural do Banco do Brasil (CCBB).

Nos dias 2 e 3 de julho (sábado e domingo), às 20h30 e às 20h, respectivamente, o Clube do Choro e o Centro Cultural do Banco do Brasil recebem a cantora e instrumentista Nilze Carvalho, ao lado do Grupo Choro Livre formado pelo quinteto Reco do Bandolim (bandolim), Henrique Neto (violão 7 cordas), George Costa (violão 6 cordas), Márcio Marinho (cavaquinho) e Valério Xavier (pandeiro).

A história de Nilze na música começou cedo. Dos 11 aos 14 anos, Nilze Carvalho gravou, como bandolinista, a série de LPs “Choro de Menina” em quatro volumes. Com apenas 15, iniciou sua carreira internacional fazendo turnês na Itália, Espanha, França, Suíça, Holanda, Estados Unidos, Japão, Argentina, China e Austrália.

Tradicionalmente candango, o Choro Livre participou de todos os projetos apresentados pelo Clube do Choro nas últimas dez temporadas. O grupo de base já acompanhou artistas como Altamiro Carrilho, Oswaldinho do Acordeon, Dominguinhos, João Donato, Época de Ouro, Cristóvão Bastos, Guinga, Wagner Tiso, Paulo Moura e incontáveis outros talentos da música brasileira.

Nos dias 6 e 7 de julho (quarta e quinta), às 20h30, é a vez do conhecido sanfoneiro Mestrinho invadir os palcos. Durante sua carreira, o sergipano acompanhou (e ainda acompanha) artistas como Dominguinhos, Elba Ramalho, Gilberto Gil, Jair Rodrigues, Hamilton de Holanda, entre outros. Mestrinho também trabalha como produtor musical e arranjador. Em setembro de 2014, o instrumentista lançou o primeiro disco solo intitulado “Opinião”.

Em parceria com o Clube do Choro, o violinista francês radicado no Brasil Nicolas Krassik chega para abrilhantar a programação nos dias 13 e 14 de julho (quarta e quinta), às 20h30. Nascido em 1969 na periferia de Paris, o violinista é um dos herdeiros da famosa tradição francesa de violinistas de Jazz.

Após 15 anos estudando música erudita e jazz, e oito anos atuando na Europa ao lado de músicos como Michel Petrucciani, Didier Lockwood, Vincent Courtois e Pierrick Hardy, Nicolas resolveu embarcar para o Rio de Janeiro, em 2001, e se dedicar à música popular brasileira. Por aqui ficou e com o Clube do Choro vem emocionando o público candango há muitos anos.

Apresentado pelo Ministério do Turismo e o Clube do Choro de Brasília, o projeto Brasília 60 anos de Choro tem patrocínio da BB Seguros através da Lei Federal de Incentivo à Cultura e apoio do Centro Cultural Banco do Brasil Brasília.


SERVIÇO:
 
Brasília 60 anos de Choro

Nilze Carvalho e Grupo Choro Livre: 
2 de julho (sábado), às 20h30, no Clube do Choro
3 de julho (domingo), às 20h, no CCBB

Mestrinho:
6 e 7 de julho (quarta e quinta), às 20h30, no Clube do Choro

Nicolas Krassik:
13 e 14 de julho (quarta e quinta), às 20h30, no Clube do Choro

Ingressos:
- No Clube do Choro: R$ 30 (meia-entrada) à venda em https://www.bilheteriadigital.com/choro
- No CCBB: Entrada Franca
 
Informações: (61) 99956-7369 (Whatsapp)
Livre para todos os públicos

==> Foto: Face Oficial

0 comentários:

Postar um comentário