Poemas de Ai Qing sobre vinda à América do Sul ganham tradução

Durante dois meses, um dos maiores poetas da literatura moderna da China, Ai Qing, atravessou quatro continentes, dois oceanos e passou por uma dezena e meia de cidades rumo à América do Sul para o cinquentenário do poeta Pablo Neruda, de quem era amigo. Essa rica produção de poemas gerada a partir da travessia do extremo Oriente ao extremo Ocidente foi reunida pela primeira vez em português pela Editora Unesp na obra Viagem à América do Sul, numa edição bilíngue traduzida direto dos originais chineses.                   

“Como concepção geral da série de poemas aqui reunida, buscamos reconstituir a produção que esteve diretamente associada a toda a viagem, desde a partida até a volta definitiva para a China”, explica o responsável pelo projeto, Francisco Foot Hardman. “Isso dá ao conjunto um sentido único de mútua reverberação entre os poemas.”

O conjunto de 21 poemas que compõe a obra é fruto de uma vasta pesquisa e checagem documental que não se restringiu apenas ao seu Diário de Viagem, mas alcança diversos periódicos, coletâneas e outras obras. Contempla, ainda, a passagem do poeta chinês pelo Brasil. Ele esteve no Rio de Janeiro, onde compôs belos exemplares de sua visão da capital carioca e do país, em três poemas bem acabados, e Recife, de onde lança saudações a toda a América do Sul.

“A América do Sul, que ele conhece e explora por maior tempo, não sairá jamais de sua imaginação poética e memória afetiva, embora a vida e a história nunca mais lhe tenham permitido voltar”, anota Foot Hardman. “Mas, talvez, aos exatos 65 anos da passagem de Ai Qing pela América do Sul, possamos intuir algo não concluído nessa travessia, entre dois lados do mundo, entre dois oceanos de histórias tão distintas, algo ainda por atravessar.”

Sobre o autor - Ai Qing (Jinhua, 1910 – Pequim, 1996) é um dos maiores poetas da literatura moderna na China. Escreveu dezenas de livros e foi traduzido em idiomas ocidentais e orientais. Em língua portuguesa, saiu uma primeira antologia de sua Poesia escolhida, em Macau, em 1987. Em 1991, a editora da Literatura e Arte Huashan reuniu suas Obras completas em cinco grandes volumes. Entretanto, os poemas de sua memorável viagem nunca haviam sido reunidos em um único volume. Viagem à América do Sul é seu primeiro livro traduzido e editado no Brasil.
Autor: Ai Qing
Projeto, organização e introdução: Francisco Foot Hardman
Pesquisa, tradução e revisão: Fan Xing e Francisco Foot Hardman
Número de páginas: 204
Formato: 14 x 21 cm
Preço: R$ 48,00
ISBN: 978-85-393-0776-0

==> Foto: Divulgação

0 comentários:

Postar um comentário