Ginástica Artística do Brasil comemora pódios em competição nos Estados Unidos

A Ginástica Artística brasileira começou a temporada 2019 de competições internacionais no pódio. O campeão olímpico Arthur Zanetti e a juvenil Ana Luiza Lima conquistaram medalhas em duas competições realizadas em Dallas, nos Estados Unidos.

Tanto Zanetti quanto a Seleção Brasileira juvenil participaram no último sábado (9) de duas competições válidas pelo Woga Classic, um grande festival de ginástica que reúne atletas de várias categorias de idade.

Zanetti, ouro na Olimpíada de Londres-2012 e prata na Rio-2016 nas argolas, disputou o Valeri Liukin Invitational, evento masculino que integrou a programação em Dallas. O brasileiro foi bem e venceu as provas das argolas (15,200) e no salto (14,800). Zanetti também competiu no solo (14,000), terminando na quarta posição.

O técnico Marcos Goto afirmou que o objetivo em Dallas era já colocar Zanetti em ritmo de competição, pois terá um ano intenso. “O calendário do Arthur em 2019 está bem cheio, tendo como principais objetivos o Pan-Americano de Lima, em julho, e o Mundial de Stuttgart, em outubro, que será classificatório para a Olimpíada de Tóquio”, afirmou Goto.

Agora, Arthur Zanetti segue para Melbourne (AUS), onde disputará uma etapa da Copa do Mundo entre os dias 21 e 24.

Ana Luiza fica com a prata
Como parte de sua preparação para o Campeonato Mundial juvenil, que será realizado entre os dias 27 e 30 de junho em Gÿor (HUN), a Seleção Brasileira feminina também esteve presente em Dallas, participando do Woga Classic. O melhor resultado acabou ficando com Ana Luiza Lima, que levou a medalha de prata na prova do solo, com a nota 13,400.

Os melhores resultados das outras ginastas da Seleção foram os seguintes: Julia Soares ficou em quarto lugar na trave (13,400) e no solo (13,150); Christal Bezerra foi a quarta colocada no salto (13,450); e Camila Almeida terminou em oitavo no solo (12,900). Josiany Silva, que também integrou a delegação, não competiu em Dallas.

Os ginastas brasileiros em Dallas foram acompanhados pela seguinte equipe de trabalho:

Ginástica artística masculina
Treinador: Marcos Goto
Fisioterapeuta: Beatriz Almeida

Ginástica artística feminina juvenil
Treinadores: Beatriz Fragoso, Caroline Molinari e Clara Davina Teixeira, Francisco Porah Neto e Iryna Ilyashenko
Equipe Multidisciplinar: Mariana Weschenfelder (fisioterapeuta) e Dr. Rodrigo Sasson (médico)
Coordenação: Juliana Fajardo

==> Foto: Divulgação / CBG

0 comentários:

Postar um comentário