PLANALTINA RECEBE A QUARTA EDIÇÃO DO FESTIVAL QUADRILÁTERO CRULS COM HISTÓRIA E CULTURA

O projeto Quadrilátero Cruls, será realizado no dia 20 de outubro, na Praça São Sebastião, em Planaltina, com entrada franca, e tem uma proposta singular: resgatar as origens do Distrito Federal. Além de recuperar o esquecido e importante contexto histórico da Missão Cruls, busca divulgar o que Brasília tem de melhor, sua vocação para a cultura. Segundo relatos, os pesquisadores atentaram para uma característica marcante, cada família da região tinha um artista.

A Capital Federal inaugurada em 1960, hoje impressiona pela majestosa arquitetura e seu plano urbanístico, mas poucos atentam para um detalhe quase esquecido: a história de nossa descoberta pela Missão Cruls. A comissão exploradora do Planalto Central do Brasil, constituída em 1892, tinha como diretriz única, a obrigação de encontrar um local para a instalação da nova capital do País.

Toda cidade tem uma história que deve ser preservada e relembrada para não cair no esquecimento, infelizmente, uma grande parcela dos moradores do Distrito Federal não conhecem a narrativa da Comissão Exploradora do Planalto Central "Missão Cruls", iniciativa composta por 22 (vinte e dois) membros e liderada pelo astrônomo Luiz Cruls, que delimitou nosso território em 1893 no século XIX. Precisamos manter viva na memória a passagem dos demarcadores do “Quadrilátero Cruls”, hoje Distrito Federal.

Nossa missão é recuperar os 125 anos de história que caíram no esquecimento. Dia 20 de outubro preservaremos a memória com a instalação da escultura de Louis Ferdinand Cruls, conhecido carinhosamente por Luiz Cruls (1848- 1908).

Um telegrama na cidade de Uberaba avisava a chegada de Cruls: “A capital da República, uma vez estabelecida, receberá um nome deveras, em vez deste que ora temos, mero qualificativo. Não sei se viverei até à inauguração.

A vida é curta, a morte tão incerta que a inauguracão pode fazer-se sem mim, e tão certo é o esquecimento, que nem darão pela minha falta.

Mas, se viver, lá irei passar algumas férias, como os de lá virão aqui passar outras.“

Visando o futuro, teremos a oportunidade de revisitar o passado e reforçar o presente do Distrito Federal, rico em diversidade cultural. Contribua para esta festa, prestigiando e fortalecendo em um evento que contará com música, dança, teatro, literatura, artesanato, artes plástica, educação patrimonial e muito mais, uma aposta na força da história e dos nossos artistas.

Somos pioneiros na valorização dos que aqui vivem e produzem arte.

Vamos juntos preservar nossa história para gerações futuras!

Atrações:
17h00 - Desfile de Tropeiros encenando a Missão Cruls
18h00 - Inauguração da Escultura de Louis Ferdinand Cruls
18h30 - Mércia Alexandre & Rui Mohamed (canto lirico)
18h40 - Athos Fernandes Barbosa - (9 anos) – Violino
19h00 - Batála de Brasília
19h30 - Poesia
20h00 - Karen Parreira & Os Brutos e Brutas da Catira
20h50 - Poesia
21h00 - Capricho Espanhol
21h50 - Encenação da Missão Cruls - Teatro
22h00 - Dom Ticones
22h50 - Meck Punk
23h00 - Casacasta
23h50 - Wile Ortros
00h00 - Pé de Cerrado
01h00 - Dona Cislene

E mais:
- UNB - TELESCÓPIOS para observação astronômica
- ALANEG - Academia de Letras e Arte do Nordeste Goiano
- MALA DO LIVRO - Distribuição GRATUITA de livros, CDs e DVDs patrocinados pelo FAC - Difusão dos produtos que aqui produzimos
- STAND REINO DA BÉLGICA
- ARTESANATO
- FOOD TRUCKS
- CERVEJARIA ARTESANAL CRULS e BELGA


SERVIÇO:

Festival Quadrilátero Cruls
Data: 20 de outubro
Local: Praça São Sebastião - Setor Tradicional - PLANALTINA/DF (acesso fácil pela entrada velha) BR 020 Km 22
Horário: 17h às 02h
Acessibilidade PNE
Entra Franca

==> Foto: Divulgação

0 comentários:

Postar um comentário