"Ela disse-me assim", show de Gal Costa, nesta sexta (02/06), em Brasília

Brasília será a primeira cidade a receber a reestreia da turnê Ela disse-me assim – Canções de Lupicínio Rodrigues (2015). O show acontece no Centro de Convenções Ulysses Guimarães (Eixo Monumental), no próximo dia 2 de junho, a partir das 21h. O espetáculo resgata a obra de uma das maiores personalidades da música brasileira, o grande cantor e compositor Lupicínio Rodrigues (1914-1974).

Os ingressos, que variam entre 70 reais (poltrona superior) ou 250 reais (poltrona front gold), já estão à venda em pontos como a Central de Ingressos do Brasília Shopping (Asa Norte) e a Livraria Fnac do ParkShopping (Guará I). Quem preferir, poderá adquirir pelos sites ou www.eventim.com.br ou www.f2mais.com.br.

No musical, Gal imprime a sua interpretação singular a clássicos como Vingança, Esses moços, Volta, Nunca, Felicidade, Judiaria, Homenagem, Cadeira vazia e Nervos de aço. Mas a proposta do repertório selecionado por J. Velloso e Marcus Preto foi, sobretudo, buscar por canções menos conhecidas do compositor “Fomos atrás de pelo menos um terço de músicas desconhecidas”, conta Marcus Preto, que também foi o responsável pela escolha da banda que acompanha a cantora.

Formada pelos músicos Pupillo (Nação Zumbi), na bateria; Guilherme Monteiro, na guitarra e violão; o músico capixaba Lúcio Silva Souza, conhecido como Silva, no teclado e violino; e no contrabaixo elétrico e acústico, Fábio Sá; a banda recria uma nova sonoridade ao cantor. “A ideia foi trazer músicos que atualizem o Lupicínio e fujam do esquema homenagem saudosa. O projeto é uma coisa viva”, afirma.

Na primeira vez em que Ela disse-me assim – Canções de Lupicínio Rodrigues pegou a estrada, com apresentações em cidades como Rio de Janeiro, Porto Alegre e Salvador, o resultado foi uma avalanche de elogios feitos pela crítica especializada:

"Gal Costa bombeia sangue novo para o coração magoado de Lupicínio Rodrigues... em estado de graça como cantora, Gal dá com precisão todos os recados diretos do compositor", resenhou Mauro Ferreira, no blog Notas Musicais.

“Cadê o CD para comprar" - foi a pergunta que mais se ouviu na saída do show no Vivo Rio, tamanho o impacto causado pela reinterpretação do repertório que Gal aprendeu a amar quando criança, na Bahia", comentou Roberta Pennafort em matéria do jornal O Estado de S. Paulo.

“...mais do que a celebração do compositor centenário ou a afirmação da riqueza da geração contemporânea de instrumentistas, o que dá sentido a “Ela disse-me assim”... é puramente a força de grandiosas canções de amor — e sobretudo de dor de amor. Encontros de melodias e letras que, a cantora nos convence no palco, não atuam nem no registro do passado (Lupicínio) nem no do futuro (banda), mas do eterno”, disse Leonardo Lichote sobre a estreia da turnê em Porto Alegre, em matéria do jornal O Globo.

Lupicínio Rodrigues
Compositor e cantor brasileiro, Lupe, como era chamado desde pequeno, compôs marchinhas de carnaval e sambas-canção; músicas que expressam muito sentimento, principalmente a melancolia por um amor perdido. Foi o inventor do termo dor-de-cotovelo, que se refere à prática de quem crava os cotovelos em um balcão ou mesa de bar, pede um uísque duplo, e chora pela perda da pessoa amada. Constantemente abandonado pelas mulheres, buscou em sua própria vida a inspiração para suas canções, onde a traição e o amor andavam sempre juntos.

Boêmio, foi proprietário de diversos bares, churrascarias e restaurantes com música, que seguidamente ia abrindo e fechando, tudo apenas para ter, antes do lucro, um local para encontro com os amigos. Deixou cerca de uma centena e meia de canções editadas; outras centenas que compôs foram perdidas, esquecidas ou estão à espera de quem as resgate.

Natura Musical
Com doze anos de existência, o Natura Musical - programa criado para valorizar a música brasileira -, tem hoje uma forte assinatura na renovação e preservação da nossa música: já apoiou mais de 1350 produtos culturais (mais de 1200 shows, 132 CDs, 26 DVDs, 21 livros e 5 filmes) chegando diretamente a 1,3 milhão de pessoas, com mais de 1,3 milhões de seguidores no ambiente digital.

São patrocinados projetos prioritariamente por meio de editais públicos, que selecionam projetos de diversos formatos e estágios da produção cultural em nível nacional, com uso das Leis Rouanet e Audiovisual, e em nível regional, com uso de ICMS, conforme a disponibilidade de recursos.

A marca atua no mercado musical lançando em média 20 discos por ano, com destaques em listas de melhores do ano e premiações nacionais e internacionais. Neste ano, com a inauguração da Casa Natura Musical, em São Paulo, pretende dobrar seu papel no setor de entretenimento, atualmente em torno de 120 shows por ano. No ambiente digital, os canais Natura Musical são plataforma para o lançamento de singles, obras completas e outros conteúdos musicais exclusivos dos projetos patrocinados, com acesso gratuito.


SERVIÇO:

Gal Costa canta Lupicínio Rodrigues
Dia: SEXTA, 2 de junho de 2017.
Horário: a partir das 21h.
Local: Centro de Convenções Ulysses Guimarães (Eixo Monumental).
Informações: (61) 3214-2712.
Classificação indicativa: não recomendado para menores de 16 anos.

Ingressos:
Poltrona superior: 70 reais.
Poltrona B: 90 reais.
Poltrona A: 100 reais.
Poltrona lateral: 120 reais.
Poltrona gold: 180 reais.
Poltrona front gold: 250 reais.
*Valores referentes à meia-entrada e sujeitos a alterações sem aviso prévio.

Pontos de Venda:
Central de Ingressos do Brasília Shopping (Asa Norte).
Livraria Fnac do ParkShopping (Guará I).
Vendas on-line: www.eventim.com.br ou www.f2mais.com.br

==> Foto: Natally Andressa

0 comentários:

Postar um comentário