Cine Brasília - 18 a 24 de maio. Sábado e domingo, às 11h, tem sessão infantil!

Estreia o documentário Um Casamento, obra singular e pessoal sobre a instituição do casamento, abordando os pais da realizadora. Maria Moniz, mãe da diretora Mônica Simões, foi uma das musas da Tropicália.

Prossegue em destaque o Festival do Cinema Europeu apresentando nesta semana 8 filmes de 8 diferentes países, com o tema As Mulheres em Cena.

Permanecem em cartaz,Nojoom, drama da primeira criança iemenita a obter o direito a ao divórcio, O Sonho de Greta deliciosa comédia australiana apresentada na seleção oficial do Festival de Berlim, A Família Dionti, filme queemocionou plateias no Brasil e no exterior, por fim Joaquim, original abordagem história de nosso herói da Inconfidência Mineira. No Ciclo de Filmes de Animação Infantis Franceses, em quarta semana de exibição, a atração de sábado e domingo às 11h é o premiadoZarafa, filme que leva às crianças assuntos sérios de forma deliciosa.


P R O G R A M A Ç Ã O


Dia 18/05, quinta-feira

13h30 - Joaquim (Brasil, 2017, drama, 97 min, classificação 16 anos), direção: Marcelo Gomes. Sinopse: Século XVIII. A colônia dos Brasis, parte do Império Português, enfrenta um declínio na produção de ouro. Uma minoria portuguesa governa de forma autoritária e corrupta uma sociedade composta, em sua maioria, por africanos escravizados, indígenas e mestiços. Joaquim é um militar de destaque na captura de contrabandistas de ouro. Ele espera que sua dedicação seja recompensada com uma patente de tenente para que possa comprar a liberdade de Preta, por quem é apaixonado. A promoção nunca chega, ele se desespera. Neste momento, Joaquim é designado para uma arriscada missão: encontrar novas minas de ouro no temido Sertão Proibido. Cumpri-la será a única forma de conseguir sua promoção e a liberdade de sua amada. 
Trailer:http://imovision.com.br/index.php/filme/joaquim/

15h30 – Um Casamento (Brasil, 2017, documentário, 80 minutos, classificação 18 anos), direção: Mônica Simões.
Sinopse: Filme documentário sobre um casamento cuja narrativa se constrói através do confronto de memórias: a memória subjetiva, composta pelas lembranças da personagem central, a noiva, e pelas lembranças da diretora, filha da noiva, com a memória concreta representada por filmes domésticos, fotografias, cartas de amor, documentos e a casa da família. A narrativa absorve também como linguagem os efeitos do tempo nesses objetos e na própria memória.
Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=JNBLx1GXwsk

17h - A Família Dionti (Brasil, 2015, comedia dramática, 97min., classificação livre), direção: Alan Minas.
Sinopse:Um filme em que o fantástico e a realidade se equilibram numa trama cheia de surpresas. A mãe apaixona-se, evapora e desaparece; Josué sonha com a volta da mulher a cada chuva, enquanto cria sozinho os dois filhos: Serino, que é seco e chora grãos de areia, e Kelton, que se derrete com a chegada de Sofia, garota do circo. “A Família Dionti” retrata de forma especialmente delicada o tema universal do primeiro amor. 
Trailer: http://www.afamiliadionti.com.br/

19h - Festival de Cinema Europeu-O Primeiro Cargo (Il primo incarico, Itália, 2011, drama, 90 min., classificação livre), direção: GiorgiaCecere
Sinopse: Em 1953, Nena, uma jovem do sul da Itália, precisa se afastar da família e do namorado para se transferir para Puglia, onde foi chamada para assumir o cargo de professora. Porém, encontra uma realidade hostil, quase arcaica. Determinada a levar seu trabalho adiante, demonstrando caráter fora do comum, chega a reformular a vida de forma surpreendente. ENTRADA FRANCA

21h - Festival de Cinema EuropeuPaveeLackeen – A Cigana(PaveeLackeen – The Traveller Girl, Irlanda, 2005, drama, 88 min., classificação 15 anos), direção: Perry Ogden. 
Sinopse: O filme do fotógrafo Perry Ogden é um retrato íntimo de Winnie, jovem membro da comunidade dos viajantes, e sua família que vive em uma área desolada de Dublin. O filme apresenta um relato inabalável de uma comunidade marginalizada, vivendo em extrema pobreza na então próspera Irlanda. Segue Winnie porvárias semanas, enquanto ela luta com a identidade como uma jovem viajante na Irlanda contemporânea. ENTRADA FRANCA.

Dia 19/05, sexta-feira

13h30 - Nojoom, 10 anos, divorciada (Ana Nojoombentalasherahwamotalagah,Iêmen, 2017, ficção, 99 min., classificação 16 anos), direção: Khadija al Salami
Sinopse: Uma garotinha de 10 anos entra em um tribunal, olha nos olhos do juiz e diz: “Eu quero o divórcio.” No Iêmen, onde não há exigência de idade para o casamento, Nojoom é forçada a se casar com um homem de 30 anos de idade. O dote oferecido à família representa uma pequena renda e uma boca a menos para alimentar. Um arranjo legítimo e aceitável para todos os envolvidos, exceto para Nojoom, que em breve verá sua vida tomar um rumo devastador.
Trailer: http://esferacultural.com.br/site/nojoom-10-anos-divorciada/

15h30 - O Sonho de Greta (Austrália, 2016, comedia, 80 min, classificação livre), direção: Rosemary Myers.
Sinopse: O mundo está se fechando em torno de Greta Driscoll. Às vésperas de fazer 15 anos, ela não consegue lidar com a ideia de abandonar sua infância, onde encontra todas as coisas que lhe dão conforto neste novo e incompreensível mundo.
Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=XUiEfmZ8oJY

17h - A Família Dionti (Brasil, 2015, comedia dramática, 97min., classificação livre), direção: Alan Minas.
Sinopse:Um filme em que o fantástico e a realidade se equilibram numa trama cheia de surpresas. A mãe apaixona-se, evapora e desaparece; Josué sonha com a volta da mulher a cada chuva, enquanto cria sozinho os dois filhos: Serino, que é seco e chora grãos de areia, e Kelton, que se derrete com a chegada de Sofia, garota do circo. “A Família Dionti” retrata de forma especialmente delicada o tema universal do primeiro amor.
Trailer: http://www.afamiliadionti.com.br/

19h - Festival de Cinema Europeu- Os sonhados (Die Geträumten, Áustria, 2016, documentário, 89 min., classificação livre), direção: Ruth Beckermann
Sinopse: Dois jovens atores se conhecem em uma gravadora para ler cartas da IngeborgBachmann e de Paul Celan, considerados os escritores mais importantes do século 20. O tumulto de emoções próximas e distantes, fascinação e medo os cativam. Além disso, eles também gostam da companhia um do outro, fumando e discutindo sobre suas tatuagens e músicas favoritas. ENTRADA FRANCA

21h -Festival de Cinema Europeu- Pânico (Panika, Eslovênia, 2013, comedia dramática, 103 min., classificação 15 anos), direção: Barbara Zemljič
Sinopse: Vera, quarentona reprimida, entediada e presa a rotina, torna-se obcecada com a ideia de que nunca mais vai se apaixonar, que a vida nunca mais será um mar de rosas. Na procura pelo significado do amor, ao ler a sua sorte na borra de uma xícara de café descobre que vai encontrar o cara certo, que vai mudar a sua vida. E esse amor a coloca nos braços de Mitja, um amigo da família. Esse amor fatal a afasta de sua tranquila família para viver um ardente caso.ENTRADA FRANCA.

Dia 20/05, sábado

11h –Zarafa (França/Belgica, 2013, 78minutos, classificação 10anos), direção: Remi Bezançon, Jean-Christophe lie.
Sinopse: Sob um baobá, um velho conta às crianças a história da amizade entre Maki, de apenas 10 anos, e Zarafa, uma girafa órfã. O animal foi dado ao rei francês Charles X por Muhammad Ali, do Egito. Em meio a uma longa jornada que vai do Sudão até Paris, Maki e Zarafa vivem diversas aventuras.
Trailer: http://imovision.com.br/index.php/filme/zarafa/

13h30 - Joaquim (Brasil, 2017, drama, 97 min, classificação 16 anos), direção: Marcelo Gomes. Sinopse: Século XVIII. A colônia dos Brasis, parte do Império Português, enfrenta um declínio na produção de ouro. Uma minoria portuguesa governa de forma autoritária e corrupta uma sociedade composta, em sua maioria, por africanos escravizados, indígenas e mestiços. Joaquim é um militar de destaque na captura de contrabandistas de ouro. Ele espera que sua dedicação seja recompensada com uma patente de tenente para que possa comprar a liberdade de Preta, por quem é apaixonado. A promoção nunca chega, ele se desespera. Neste momento, Joaquim é designado para uma arriscada missão: encontrar novas minas de ouro no temido Sertão Proibido. Cumpri-la será a única forma de conseguir sua promoção e a liberdade de sua amada. 
Trailer:http://imovision.com.br/index.php/filme/joaquim/

15h30 - Um Casamento (Brasil, 2017, documentário, 80 minutos, classificação 18 anos), direção: Mônica Simões.
Sinopse: Filme documentário sobre um casamento cuja narrativa se constrói através do confronto de memórias: a memória subjetiva, composta pelas lembranças da personagem central, a noiva, e pelas lembranças da diretora, filha da noiva, com a memória concreta representada por filmes domésticos, fotografias, cartas de amor, documentos e a casa da família. A narrativa absorve também como linguagem os efeitos do tempo nesses objetos e na própria memória.
Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=JNBLx1GXwsk

17h - A Família Dionti (Brasil, 2015, comedia dramática, 97min., classificação livre), direção: Alan Minas.
Sinopse:Um filme em que o fantástico e a realidade se equilibram numa trama cheia de surpresas. A mãe apaixona-se, evapora e desaparece; Josué sonha com a volta da mulher a cada chuva, enquanto cria sozinho os dois filhos: Serino, que é seco e chora grãos de areia, e Kelton, que se derrete com a chegada de Sofia, garota do circo. “A Família Dionti” retrata de forma especialmente delicada o tema universal do primeiro amor.
Trailer: http://www.afamiliadionti.com.br/

19h - Festival de Cinema EuropeuDe sua Janela à Minha (De tu ventana a lamía, Espanha, 2011, drama, 107 min., classificação livre) direção: Paula Ortiz
Sinopse: Violeta, Inês e Luisa mulheres de idades diferentes, cujos dias transcorrem em aparente paz do outro lado da janela. Os campos de trigo, o refúgio na montanha e as ruas de uma velha cidade são os lugares onde transcorrem suas vidas. O filme se ambienta nesse passado mágico onde ainda era possível o sonho adolescente nos bosques. Mulheres que pareciam viver em silêncio, mas cujas lembranças guardavam segredos, paixões e sonhos. ENTRADA FRANCA.

21h - Festival de Cinema EuropeuAmália – O Filme ( Portugal, 2008, biografia, 127 min., classificação 12 anos), direção: Carlos Coelho da Silva
Sinopse: Amália é a história de amores e de glória, uma história dramática e de exaltação. De 1954 a 1984, trinta anos em busca deequilíbrio que escapa, de um amor que lhe foge, ao contrário do sucesso artístico, que a vai projetando mundialmente. É esse o núcleo de Amália, um filme onde se revelarão algumas das histórias secretas da fadista, ao mesmo tempo que se reconstituem os mais memoráveis momentos da sua carreira artística. Viver não lhe chegava. Cantando, chegou a todos. ENTRADA FRANCA.

Dia 21/05, domingo

11h – Zarafa (França/Belgica, 2013, 78minutos, classificação 10anos), direção: Remi Bezançon, Jean-Christophe lie.
Sinopse:Sob um baobá, um velho conta às crianças a história da amizade entre Maki, de apenas 10 anos, e Zarafa, uma girafa órfã. O animal foi dado ao rei francês Charles X por Muhammad Ali, do Egito. Em meio a uma longa jornada que vai do Sudão até Paris, Maki e Zarafa vivem diversas aventuras.
Trailer: http://imovision.com.br/index.php/filme/zarafa/

13h30 - Nojoom, 10 anos, divorciada (Ana Nojoombentalasherahwamotalagah,Iêmen, 2017, ficção, 99 min., classificação 16 anos), direção: Khadija al Salami
Sinopse:Uma garotinha de 10 anos entra em um tribunal, olha nos olhos do juiz e diz: “Eu quero o divórcio.” No Iêmen, onde não há exigência de idade para o casamento, Nojoom é forçada a se casar com um homem de 30 anos de idade. O dote oferecido à família representa uma pequena renda e uma boca a menos para alimentar. Um arranjo legítimo e aceitável para todos os envolvidos, exceto para Nojoom, que em breve verá sua vida tomar um rumo devastador.
Trailer: http://esferacultural.com.br/site/nojoom-10-anos-divorciada/

15h30 - O Sonho de Greta (Austrália, 2016, comedia, 80 min, classificação livre), direção: Rosemary Myers.
Sinopse: O mundo está se fechando em torno de Greta Driscoll. Às vésperas de fazer 15 anos, ela não consegue lidar com a ideia de abandonar sua infância, onde encontra todas as coisas que lhe dão conforto neste novo e incompreensível mundo.
Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=XUiEfmZ8oJY

17h - A Família Dionti (Brasil, 2015, comedia dramática, 97min., classificação livre), direção: Alan Minas.
Sinopse:Um filme em que o fantástico e a realidade se equilibram numa trama cheia de surpresas. A mãe apaixona-se, evapora e desaparece; Josué sonha com a volta da mulher a cada chuva, enquanto cria sozinho os doisfilhos: Serino, que é seco e chora grãos de areia, e Kelton, que se derrete com a chegada de Sofia, garota do circo. “A Família Dionti” retrata de forma especialmente delicada o tema universal do primeiro amor.
Trailer: http://www.afamiliadionti.com.br/

19h - Festival de Cinema EuropeuA garota desconhecida (La filleinconnue, Bélgica, 2016, drama, 107 min., classificação 12 anos), direção: Jean-Pierre Dardenne e Luc Dardenne
Sinopse: Jenny é uma médica, que há três meses passou a trabalhar na vaga deixada por um médico veterano, que foi seu mentor. Atenciosa com seus pacientes fica abalada ao saber sobre o falecimento de uma jovem que não conseguiu atender. Querendo saber mais sobre a jovem, passa a realizar uma investigação pessoal em busca de sua identidade.

21h - Festival de Cinema EuropeuMarcela, (República Tcheca, 2007, documentário, 80 min, classificação 12 anos) Direção: Helena Trestíková
Sinopse: Documentário que retrata a vida de uma cidadã tcheca ao longo de várias décadas, mostrando sua luta diária e as tragédias vividas.

Dia 22/05, segunda-feira

18h30 - A Família Dionti (Brasil, 2015, comedia dramática, 97min., classificação livre), direção: Alan Minas.
Sinopse:Um filme em que o fantástico e a realidade se equilibram numa trama cheia de surpresas. A mãe apaixona-se, evapora e desaparece; Josué sonha com a volta da mulher a cada chuva, enquanto cria sozinho os dois filhos: Serino, que é seco e chora grãos de areia, e Kelton, que se derrete com a chegada de Sofia, garota do circo. “A Família Dionti” retrata de forma especialmente delicada o tema universal do primeiro amor.
Trailer: http://www.afamiliadionti.com.br/

20h30 - O Sonho de Greta (Austrália, 2016, comedia, 80 min, classificação livre), direção: Rosemary Myers.
Sinopse: O mundo está se fechando em torno de Greta Driscoll. Às vésperas de fazer 15 anos, ela não consegue lidar com a ideia de abandonar sua infância, onde encontra todas as coisas que lhe dão conforto neste novo e incompreensível mundo.
Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=XUiEfmZ8oJY

Dia 23/05, terça-feira

20h Concerto da OSTNCS Entrada Franca

Dia 24/05, quarta-feira

13h30 e 21h- Joaquim (Brasil, 2017, drama, 97 min, classificação 16 anos), direção: Marcelo Gomes. Sinopse: Século XVIII. A colônia dos Brasis, parte do Império Português, enfrenta um declínio na produção de ouro. Uma minoria portuguesa governa de forma autoritária e corrupta uma sociedade composta, em sua maioria, por africanos escravizados, indígenas e mestiços. Joaquim é um militar de destaque na captura de contrabandistas de ouro. Ele espera que sua dedicação seja recompensada com uma patente de tenente para que possa comprar a liberdade de Preta, por quem é apaixonado. A promoção nunca chega, ele se desespera. Neste momento, Joaquim é designado para uma arriscada missão: encontrar novas minas de ouro no temido Sertão Proibido. Cumpri-la será a única forma de conseguir sua promoção e a liberdade de sua amada. 
Trailer:http://imovision.com.br/index.php/filme/joaquim/

15h30 – Um Casamento (Brasil, 2017, documentário, 80 minutos, classificação 18 anos), direção: Mônica Simões.
Sinopse: Filme documentário sobre um casamento cuja narrativa se constrói através do confronto de memórias: a memória subjetiva, composta pelas lembranças da personagem central, a noiva, e pelas lembranças da diretora, filha da noiva, com a memória concreta representada por filmes domésticos, fotografias, cartas de amor, documentos e a casa da família. A narrativa absorve também como linguagem os efeitos do tempo nesses objetos e na própria memória.
Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=JNBLx1GXwsk

17h - A Família Dionti (Brasil, 2015, comedia dramática, 97min., classificação livre), direção: Alan Minas.
Sinopse:Um filme em que o fantástico e a realidade se equilibram numa trama cheia de surpresas. A mãe apaixona-se, evapora e desaparece; Josué sonha com a volta da mulher a cada chuva, enquanto cria sozinho os dois filhos: Serino, que é seco e chora grãos de areia, e Kelton, que se derrete com a chegada de Sofia, garota do circo. “A Família Dionti” retrata de forma especialmente delicada o tema universal do primeiro amor. 
Trailer: http://www.afamiliadionti.com.br/

19h - Nojoom, 10 anos, divorciada (Ana Nojoom, Iêmen, 2017, ficção, 99 min., classificação 16 anos), direção: Khadija al Salami
Sinopse:Uma garotinha de 10 anos entra em um tribunal, olha nos olhos do juiz e diz: “Eu quero o divórcio.” No Iêmen, onde não há exigência de idade para o casamento, Nojoom é forçada a se casar com um homem de 30 anos de idade. O dote oferecido à família representa uma pequena renda e uma boca a menos para alimentar. Um arranjo legítimo e aceitável para todos os envolvidos, exceto para Nojoom, que em breve verá sua vida tomar um rumo devastador.
Trailer: http://esferacultural.com.br/site/nojoom-10-anos-divorciada/


S E R V I Ç O:

Ingressos: R$ 12,00 (inteira) R$ 6,00 (meia entrada)
Festival de Cinema Europeu - ENTRADA FRANCA
Programador responsável: Sergio Moriconi smoriconi@terra.com.br
Programação Completa em: www.cultura.df.gov.br e facebook.com/cinebrasilia1960

==> Foto: Divulgação

0 comentários:

Postar um comentário