Tiago Miollo e Wander Britto em show autoral no Teatro Goldoni

Parceiros musicais de longa data, o compositor Tiago Miollo e o guitarrista Wander Britto sobem ao palco do Teatro Goldoni, nas noites dos dias 26 e 27, sábado e domingo, para apresentarem a estreia de um novo projeto. Intitulado “Miollo Britto”, o show traz a assinatura e o DNA musical dos artistas com canções autorais e que revisita vários momentos da carreira de ambos. Com trajetórias que somam mais de 20 anos de música, a apresentação é um convite a apreciação de talentos versáteis da cena local. Em show de pouco mais de uma hora, os “Pratas da Casa” passeiam por estilos que vão da MPB e da Bossa Nova, passando pelo groove e pelo folk, e chegam ao jazz e ao Rock.

Da escolha do repertório à sintonia das cordas de seus instrumentos, dois violões folk e um violão de nylon, e até chegarem a uma sincronicidade perfeita para as composições, Tiago e Wander se dedicaram a dois meses de ensaios. Com gostos musicais parecidos, porém, que vão ao encontro de variados estilos, a musicalidade dos artistas e têm inspiração em grandes nomes, como Lenine, Gilberto Gil, Moska, Jorge Drexler, Eric Clapton, Led Zeppelin e Jimi Hendrix.

Para “Miollo Britto” eles selecionaram, dentre inúmeras letras e composições, as músicas “Brilho no Asfalto”, “Grato”, “Casa da Noite”, “The Third Song”, “O que vc Pensa”, “Goiabeira”, “Cada Novo Beijo”, “Dark Matter”, “Fim de Semana”, “Vã Alusão”, “Me Leve a Mal”, “O Som” e “Um Minuto ao Silêncio”. As canções letradas são todas de autoria de Tiago Miollo, sendo duas delas, “Brilho no Asfalto” e “Me Leve a Mal”, em parceria com Wander Britto, compositor das instrumentais “Precious Little Thing” e “Bittersweetness”, as quais ele apresenta sozinho.


Serviço:
Local: Teatro Goldoni
Endereço: EQS 208/209
Dias: Sábado e domingo, 26 e 27 de novembro de 2016
Horários: Sábado, às 21h, e domingo, às 20h.
Ingressos: R$ 20,00 (meia entrada para estudantes, professores e pessoas com mais de 60 anos).
Informações: 3244.3333

==> Foto: Bernardo Moreira

0 comentários:

Postar um comentário