CINE CULT COM CLÁSSICOS CHINESES E ÍCONES DO CINEMA EM APRESENTAÇÕES GRATUITAS

Quinta-feira é dia de CineCult Brasília Shopping e os cinéfilos da cidade têm a chance de curtir um cineminha de graça no meio da semana. Em novembro, o projeto exibe uma coletânea com obras chinesas e clássicos norte-americanos que se tornaram ícones da sétima arte. Os filmes são sempre apresentados gratuitamente no Teatro Brasília Shopping, às 19h30. A curadoria e organização é de Íria Martins.

Na quinta-feira (10), o CineCult exibe A Batalha dos Três Reinos, uma produção chinesa de 2008. A direção é de John Woo. Em 208 D.C. a China é governada pela dinastia Han. O ambicioso primeiro-ministro do Norte, Cao Cao (Fengyi Zhang), pretende controlar todo o território chinês e decide derrubar as duas forças rebeldes do Sul. Para tanto, conta com um exército de quase um milhão de homens. Sun Quan (Chen Chang) e Liu Bei (Yong You), reis de suas regiões, são obrigados a se unir contra o poderoso ataque de Cao Cao. Desta forma, os povos deixam de lado suas rivalidades, criando estratégias para superar a esmagadora vantagem numérica do inimigo. Para a curadora da mostra, A Batalha dos Três Reinos mostra com rara maestria o que se pode chamar de psicologia do líder em toda sua complexa autenticidade. Segundo Íria, o líder simplesmente é. “Nota-se no filme, de forma muito interessante, a influência ostensiva do livro A Arte da Guerra, de Sun Tzu. As lições de estratégia militar escritas por Tzu, seis séculos antes de Cristo, inspiravam os líderes dos três feudos envolvidos nesta história que tem o clímax na batalha dos penhascos vermelhos, foco de John Woo”, pondera. “A obra sublinha a personalidade do líder, o uso racional da intuição e os atributos do sucesso pessoal e profissional”, acrescenta a curadora.

No dia 17 de novembro, um clássico que sempre mexe com as emoções dos cinéfilos: Cantando na Chuva. A produção norte-americana de 1952 tem direção de Stanley Donen e Gene Kelly. Don Lockwood (Gene Kelly) e Lina Lamont (Jean Hagen) são os dois astros mais famosos da época do cinema mudo em Hollywood. Seus filmes são sucesso absoluto de público. As revistas, inclusive, apostam num relacionamento mais íntimo entre os dois, o que não existe na realidade. Mas uma novidade no mundo do cinema chega para mudar totalmente a situação de ambos no mundo da fama: o cinema falado, que logo se torna moda entre os espectadores. Decidido a produzir um filme falado com o casal mais famoso do momento, Don e Lina precisam, porém, superar as dificuldades do novo método de se fazer cinema para conseguir manter a fama conquistada. “Uma obra-prima inesquecível que cativa e emociona. Kelly, cujo perfeccionismo levava suas parceiras de dança à exaustão, idealizou a coreografia da sequência Broadway Ballet”, lembra Íria Martins. A curadora também recorda que o véu de seda com mais de sete metros de comprimento usado por Cyd Charisse precisou de uma força extra. “Foi mantido esvoaçante por três motores de avião”, conta.

Uma história que fascina os amantes da arte está no filme do dia 24 de novembro no CineCult. Agonia e Êxtase, uma produção norte-americana de 1965 dirigida por Carol Reed, tem no elenco Charlton Heston e Rex Harrison. Preocupado com o legado que deixaria para as gerações futuras, o Papa Júlio II (Rex Harrison) resolve contratar Michelangelo (Charlton Heston) para pintar o teto da Capela Sistina. O artista se nega, mas logo é forçado pelo pontífice a fazê-lo. A partir daí, começam as disputas entre o artista genial e papa a respeito do projeto. A curadora da mostra pontua que duas das figuras mais marcantes do Renascimento italiano dão alma a este drama histórico baseado no best-seller de Irving Stone, ambientado no início do século XVI. O Papa Júlio II não aceita as recusas de Michelangelo, que começa o trabalho, mas visivelmente insatisfeito destrói o que já havia pintado e foge de Roma. “Caçado pelo pontífice, escondido entre as montanhas, o artista tem uma visão intuitiva que muda todo o percurso do trabalho e dá início a uma obra genial, digna da eternidade. É um filme que conta a história da obra-prima de Michelangelo na Capela Sistina, no Vaticano. Assinala, também, a bela e conflituosa relação entre o artista e o Papa Júlio II”, considera Íria Martins.


CONFIRA A PROGRAMAÇÃO DE NOVEMBRO:

10/11, ÁS 19H30 – Filme: A Batalha dos três reinos – 2008. China. Direção de John Woo. Com Tony Leung e Fengyi Zhang. 2h25. 14 anos
17/11, ÁS 19H30 – Filme: Cantando na Chuva. 1952. EUA. Direção de Stanley Donen e Gene Kelly. Com Gene Kelly e Jean Hagen. 11h42 min. Livre.
24/11, ÁS 19H30 – Filme: Agonia e Êxtase. 1965. EUA. Direção de Carol Reed. Com Charlton Heston e Rex Harrison. 2h18. 12 anos


SERVIÇO

CineCult Brasília Shopping
Local: Teatro Brasília Shopping
Data: todas as quintas-feiras, às 19h30
Classificação Indicativa: verificar cada filme
Curadoria e organização de Íria Martins
Mais informações para o público: (61) 2109-2122 e www.brasiliashopping.com.br
Entrada Franca

==> Foto: Divulgação

0 comentários:

Postar um comentário