PROGRAMAÇÃO DE SETEMBRO DA CAIXA CULTURAL: DANIELA MERCURY, THÁCHT E PERERÊ DO BRASIL

Teatro

Cena Contemporânea
O Cena Contemporânea – Festival Internacional de Teatro de Brasília ocupa vários espaços culturais do Plano Piloto, Taguatinga, Ceilândia, Samambaia, Estrutural e Varjão. A CAIXA Cultural Brasília recebe a abertura do festival com o espetáculo argentino “La Wagner”, além do chileno “Otelo” e do uruguaio “Ex- Que Reiventen los Actores”, do célebre diretor Gabriel Calderón. Dentre os espetáculos locais, o Teatro da CAIXA também recebe o solo de Lucianna Mauren, chamado “Ladrão de mim”.
Local: Teatro da CAIXA
Dias: até 2 de setembro
Hora: verifique horário dos espetáculos em www.cenacontemporanea.com.br
Classificação Indicativa: verifique classificação de cada espetáculo em www.cenacontemporanea.com.br
Duração: verifique duração dos espetáculos em www.cenacontemporanea.com.br
Ingressos para o festival Cena Contemporânea: verifique informações sobre venda de ingressos e pontos de venda em www.cenacontemporanea.com.br
Ingressos para os espetáculos do Teatro da CAIXA: À venda a partir de 20 de agosto | R$ 20 e R$ 10 (meia)
Meia-entrada: Estudantes, professores, funcionários e clientes CAIXA, pessoas acima de 60 anos e doadores de livro
Bilheteria: de terça a sexta e domingo, das 13h às 21h, e sábado, das 9h às 21h. Contato: (61) 3206-6456
Capacidade: 406 lugares (8 para cadeirantes) | Acesso para pessoas com deficiência e assentos especiais
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal

Thácht – Grupo Armatrux
O Grupo de Teatro Armatrux, conhecido por utilizar recursos circense em seus trabalhos, apresenta o espetáculo Thácht, uma tragicomédia musical. No palco, a história é contada por Rafa e Rufo, dois artistas cômicos que compartilham suas recordações de vida entre si. Com música executada ao vivo e referências ao antigo teatro de variedades, os atores em cena trazem um novo significado para as palavras usando o gestual e a musicalidade como forma de interpretação cênica.
Local: Teatro da CAIXA
Dias: 9 a 11 de setembro
Hora: Sexta-feira e sábado, às 20h; domingo, às 19h
Classificação Indicativa: Não recomendado para menores de 12 anos
Duração: 70 minutos
Ingressos: À venda a partir de 3 de setembro | R$ 10 e R$ 5 (meia)
Meia-entrada: Estudantes, professores, funcionários e clientes CAIXA, pessoas acima de 60 anos e doadores de brinquedo.
Bilheteria: de terça a sexta e domingo, das 13h às 21h, e sábado, das 9h às 21h. Contato: (61) 3206-6456
Capacidade: 406 lugares (8 para cadeirantes) | Acesso para pessoas com deficiência e assentos especiais
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal

Jogo de Cena
O Teatro da CAIXA recebe, mensalmente, os comediantes Welder Rodrigues e Ricardo Pipo que trazem, sob a coordenação de James Fensterseifer, o que há de mais novo na produção cultural da cidade. Num formato de programa de auditório, os apresentadores, integrantes da “Cia. de Comédia Os Melhores do Mundo”, recebem os artistas convidados e comandam divertidas brincadeiras com a plateia.
Local: Teatro da CAIXA
Dia: 28 de setembro
Hora: Quarta-feira, às 20h
Classificação Indicativa: Não recomendado para menores de 14 anos
Duração: 120 minutos
Ingressos: À venda a partir de 24 de setembro | R$ 20 e R$ 10 (meia)
Meia-entrada: Estudantes, professores, funcionários e clientes CAIXA, pessoas acima de 60 anos e doadores de brinquedo.
Bilheteria: de terça a s exta e domingo, das 13h às 21h, e sábado, das 9h às 21h. Contato: (61) 3206-6456
Capacidade: 406 lugares (8 para cadeirantes) | Acesso para pessoas com deficiência e assentos especiais
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal


Artes Visuais

Cidade em tiras: os quadrinhos e as cidades no Brasil
A exposição é composta por revistas originais, dentre elas as primeiras edições de “Chiclete com Banana” e “Piratas do Tietê”; além de estudos e desenhos dos cartunistas. Com foco na multiplicidade de experiências urbanas brasileiras nas décadas de 1980 e 1990 e por meio das histórias em quadrinhos produzidas naquele anos, a curadoria do historiador André Luís Cezaretto nos apresenta um panorama das artes gráficas e da história recente do país. 
Local: Galeria Vitrine
Visitação: de 31 de agosto até 16 de outubro de 2016, de terça-feira a domingo, das 9h às 21h 
Classificação Indicativa: Livre para todos os públicos
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal
Contato: Rodrigo Machado | drigo.machado@gmail.com | 61 98654-2569

Ivald Granato – Registro – Arte Performance
Ivald Granato Filho é um dos pioneiros da arte performática no mundo e sua atuação no Brasil o coloca ao lado de nomes como Hélio Oiticica e Lygia Pape. A exposição revela a criatividade multimídia do artista por meio de fotografias, vídeos, peças de vestuários, registros, estudos e cartazes da época. Relembrando um período histórico marcado pela contestação, o acervo documental de Granato na década de 1970 e 1980 expressa a originalidade e a vitalidade da obra desse provocador artista. 
Local: Galeria Principal
Visitação: até 4 de setembro de 2016; de terça-feira a domingo, das 9h às 21h 
Classificação Indicativa: Não recomendado para menores de 14 anos
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal

Panorama Vera Sabino
Reunindo obras representativas dos 50 anos de carreira de Vera Sabino, a exposição mostra as raízes folclóricas e o universo mítico-mágico da artista por meio de suas pinturas. Em representações figurativas, a artista homenageia a colônia e os imigrantes do país em temas como natureza, feminino e religião; aliando a literatura ao seu trabalho com a inspiração nos poemas sulistas registrados ao lado de cada obra da mostra.
Local: Galerias Piccola I e II
Visitação: até 4 de setembro de 2016; de terça-feira a domingo, das 9h às 21h 
Classificação Indicativa: Não recomendado para menores de 12 anos 
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal

Mundo Giramundo
A mostra Mundo Giramundo traz uma retrospectiva dos quase 50 anos de atuação do grupo Giramundo, conhecido pela criação e manipulação de bonecos para teatro. Entre vários trabalhos expostos, o público poderá conhecer croquis, desenhos e marionetes que narram a trajetória do grupo mineiro por meio de uma instalação cenográfica. Além da exposição, o Giramundo leva a magia do teatro de bonecos para o Teatro da CAIXA e promove palestra e oficina de manipulação de bonecos.
Local: Galeria Principal
Abertura: dia 20 de setembro, às 19h
Visitação: de 21 de setembro a 27 de novembro; de terça-feira a domingo, das 9h às 21h 
Classificação Indicativa: Livre para todos os públicos
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal

Pererê do Brasil
A exposição Pererê do Brasil traz as histórias em quadrinhos da famosa turma folclórica criada pelo quadrinista Ziraldo. Com clima que remete à Mata do Fundão, onde vive a Turma do Pererê, a mostra utiliza uma linha do tempo multimídia para contar a trajetória dos personagens, como do indiozinho Tininim, do jabuti Moacir e da onça Galileu. Uma exposição itinerante que já passou por Salvador e Recife e que valoriza as características regionais da cultura brasileira.
Local: Galerias Piccola I e II
Abertura: dia 20 de setembro, às 19h
Visitação: de 21 de setembro a 27 de novembro; de terça-feira a domingo, das 9h às 21h 
Classificação Indicativa: Livre para todos os públicos
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal

Metamorfoses – O Papel no Acervo da CAIXA
Esta exposição apresenta mais de cinquenta obras do Acervo Artístico da CAIXA unidas pela similaridade do suporte, o papel. São desenhos e gravuras de importantes artistas brasileiros tais como Tarsila do Amaral, Di Cavalcanti, Oswaldo Goeldi, Artur Barrio, Marcelo Gassmann, Djanira, Fayga Ostrower, Tomie Ohtake, Anna Bella Geiger e Glênio Bianchetti, dentre outros.
Local: Galeria Acervo
Visitação: até 29 de janeiro de 2017, de terça-feira a domingo, das 9h às 21h 
Classificação Indicativa: Livre para todos os públicos
Realização: CAIXA e Governo Federal


Dança

10º Cello Dance
O Cello Dance, festival de dança patrocinado pela CAIXA, é uma vertente do consagrado Rio Cello, festival internacional de violoncelos que acontece no Rio de Janeiro há mais de 20 anos. Este ano, o Teatro da CAIXA também recebe apresentações que reúnem violoncelistas e bailarinos de formação clássica, moderna e contemporânea em coreografias criadas especialmente para o festival. Brasília recebe os violoncelistas Mateus Ceccato, Stephen Katz e Yaniel Mattos.
Local: Teatro da CAIXA
Dias: 3 e 4 de setembro
Hora: Sábado e domingo, às 19h
Classificação Indicativa: Livre para todos os públicos
Duração: 60 minutos
Entrada franca. Retirada de ingressos a partir do dia 27 de agosto
Bilheteria: de terça a sexta e domingo, das 13h às 21h, e sábado, das 9h às 21h. Contato: (61) 3206-6456
Capacidade: 406 lugares (8 para cadeirantes) | Acesso para pessoas com deficiência e assentos especiais
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal

Sobre Isto, Meu Corpo Não Cansa – Quasar Cia. de Dança
Com trilha sonora que inclui canções de Clarice Falcão, Mallu Magalhães e Tulipa Ruiz e coreografia de Henrique Rodovalho, o espetáculo Sobre Isto, Meu Corpo Não Cansa fala sobre o amor na juventude e suas singularidades. A Quasar Cia. de Dança é uma das mais expressivas companhias de dança do país, transitando com singularidade por múltiplas estéticas e primando sempre pelo apuro técnico e artístico no palco.
Local: Teatro da CAIXA
Dias: 16 a 18 de setembro
Hora: Sexta-feira e sábado, às 20h; domingo, às 19h
Classificação Indicativa: Não recomendado para menores de 12 anos
Duração: 80 minutos
Ingressos: À venda a partir de 10 de setembro | R$ 20 e R$ 10 (meia)
Meia-entrada: Estudantes, professores, funcionários e clie ntes CAIXA, pessoas acima de 60 anos e doadores de brinquedo.
Bilheteria: de terça a sexta e domingo, das 13h às 21h, e sábado, das 9h às 21h. Contato: (61) 3206-6456
Capacidade: 406 lugares (8 para cadeirantes) | Acesso para pessoas com deficiência e assentos especiais
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal


Música

Solo Música – Simone Sou
A série Solo Música está em sua quarta temporada em Brasília e apresenta recitais de música instrumental solo a cada mês. São concertos que privilegiam a diversidade musical de artistas de diversos gêneros e nacionalidades. Do erudito ao popular, os amantes da música são surpreendidos pela peculiaridade e raridade dos instrumentos tocados. Em setembro apresenta-se a paulistana Simone Sou, percussionista hoje residente na Holanda que traz ao palco suas experimentações melódicas autorais.
Local: Teatro da CAIXA
Dia: 5 de setembro
Hora: Segunda-feira, às 20h
Classificação Indicativa: Não recomendado para menores de 12 anos
Duração: 90 minutos
Ingressos: À venda a partir de 3 de setembro | R$ 20 e R$ 10 (meia)
Meia-entrada: Estudantes , professores, funcionários e clientes CAIXA, pessoas acima de 60 anos e doadores de brinquedo.
Bilheteria: de terça a sexta e domingo, das 13h às 21h, e sábado, das 9h às 21h. Contato: (61) 3206-6456
Capacidade: 406 lugares (8 para cadeirantes) | Acesso para pessoas com deficiência e assentos especiais
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal

Samba de Bamba – Glória Bonfim
Idealizado pelo jornalista e crítico musical Rodrigo Browne, o projeto Samba de Bamba apresenta, a cada mês, um expoente do autêntico samba brasileiro. No palco, os sambistas convidados, provenientes de todo o país, também comentam a escolha de suas canções prediletas. Em setembro, o Teatro da CAIXA recebe a baiana Glória Bonfim, cantora que tem Paulo César Pinheiro como grande incentivador e que é uma grande intérprete da música de santo dos cantos do candomblé.
Local: Teatro da CAIXA
Dia: 13 de setembro
Hora: Terça-feira, às 20h
Classificação Indicativa: Não recomendado para menores de 12 anos
Duração: 90 minutos
Ingressos: À venda a partir de 10 de setembro | R$ 20 e R$ 10 (meia)
Meia-entrada: Estudantes, professores, funcionários e clientes CAIXA, pessoas acima de 60 anos e doadores de brinquedo.
Bilheteria: de terça a sexta e domingo, das 13h às 21h, e sábado, das 9h às 21h. Contato: (61) 3206-6456
Capacidade: 406 lugares (8 para cadeirantes) | Acesso para pessoas com deficiência e assentos especiais
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal

Daniela Mercury – A Voz e o Violão
O Teatro da CAIXA orgulhosamente recebe a voz vibrante e o talento artístico da cantora Daniela Mercury em apresentações intimistas. No palco, a artista é acompanhada pelo violonista Alexandre Vargas, considerado um dos mais virtuosos músicos do Brasil e que acompanha a cantora há anos. No repertório, Daniela apresenta canções de sua vasta carreira, dentre clássicos do axé, samba e MPB; além de canções inéditas do recente álbum que deu origem a este show.
Local: Teatro da CAIXA
Dias: 22 a 25 de setembro
Hora: Quinta-feira a sábado, às 20h; domingo, às 19h
Classificação Indicativa: Não recomendado para menores de 14 anos
Duração: 70 minutos
Ingressos: À venda a partir de 17 de setembro | R$ 20 e R$ 10 (meia)
Meia-entrada: Estudant es, professores, funcionários e clientes CAIXA, pessoas acima de 60 anos e doadores de brinquedo.
Bilheteria: de terça a sexta e domingo, das 13h às 21h, e sábado, das 9h às 21h. Contato: (61) 3206-6456
Capacidade: 406 lugares (8 para cadeirantes) | Acesso para pessoas com deficiência e assentos especiais
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal

antroPOPhagia
A compositora, poetisa e performer Beatriz Azevedo apresenta seu álbum “antroPOPhagia”, gravado ao vivo em Nova York, em 2014. Seu trabalho tem uma sonoridade contemporânea e traz referências ao modernismo de Oswald de Andrade, sua grande inspiração. No palco do Teatro da CAIXA, a cantora é acompanhada pelo pianista Cristovão Bastos e pelo VJ Notívago; além de receber os convidados especiais Moreno Veloso e Vinícius Cantuária.
Local: Teatro da CAIXA
Dias: 30 de setembro a 2 de outubro
Hora: Sexta-feira e sábado, às 20h; domingo, às 19h
Classificação Indicativa: Não recomendado para menores de 12 anos
Duração: 80 minutos
Ingressos: À venda a partir de 24 de setembro | R$ 20 e R$ 10 (meia)
Meia-entrada: Estudantes, professores, funcionários e c lientes CAIXA, pessoas acima de 60 anos e doadores de brinquedo.
Bilheteria: de terça a sexta e domingo, das 13h às 21h, e sábado, das 9h às 21h. Contato: (61) 3206-6456
Capacidade: 406 lugares (8 para cadeirantes) | Acesso para pessoas com deficiência e assentos especiais
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal


Cinema

Cine Curta Brasil
A cada mês, o Teatro da CAIXA recebe a exibição de curtas-metragens da mais recente e inventiva produção cinematográfica brasileira. Abordando temas da atualidade como “pertencimento”, “empoderamento” e “mobilidade”, essa mostra traz foco para discussões além da produção e montagem dos filmes. A realização de curtas no Brasil vive uma crescente, com títulos premiados no Festival de Cannes e no Oscar.
Local: Teatro da CAIXA
Dia: 20 de setembro
Hora: Terça-feira, às 13h
Classificação Indicativa: Verifique classificação indicativa para cada filme
Duração: 60 minutos
Entrada franca limitada à lotação do teatro
Bilheteria: de terça a sexta e domingo, das 13h às 21h, e sábado, das 9h às 21h. Contato: (61) 3206-6456
Capacidade: 406 lugares (8 para cadeirantes) | Acesso para pessoas com deficiência e assentos especiais
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal


Vivências

Cronistas da Fotografia
O Teatro da CAIXA recebe uma série de encontros com fotógrafos brasileiros de renome em diversos segmentos da fotografia contemporânea brasileira. Com a mediação do fotógrafo Luiz Garrido, artista especializado em fotografias de expressão pessoal, serão abordados, a cada mês, um tema diferente e atual como fotoarte, fotografia para celular e retrato como forma de expressão. Os fotógrafos convidados do mês apresentam ensaios visuais próprios e debatem com a plateia.
Local: Teatro da CAIXA
Dia: 29 de setembro
Hora: Quinta-feira, às 20h
Público-alvo: estudantes e profissionais da área
Classificação Indicativa: Não recomendado para menores de 12 anos
Duração: 120 minutos
Entrada franca. Retirada de ingressos a partir do dia 24 de setembro
Bilheteria: de terça a sexta e domingo, das 13h às 21h, e sábado, das 9h às 21h. Contato: (61) 3206-6456
Capacidade: 406 lugares (8 para cadeirantes) | Acesso para pessoas com deficiência e assentos especiais
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal

==> Foto: Divulgação

0 comentários:

Postar um comentário