Samba Brasília 2016 traz grandes nomes do samba e pagode ao Mané Garrincha

O samba pede passagem mais uma vez! Agora para comemorar 100 anos de história, tradição e resistência. O ritmo que surgiu na casa de Tia Ciata hoje reverbera mundo afora, levando suingue e simpatia para todos os cantos. E se o samba faz aniversário, Brasília comemora! Vem aí a quinta edição do maior festival de samba do Brasil: o Samba Brasília acontece no dia 17 de setembro, a partir das 15h, no estacionamento do Estádio Nacional Mané Garrincha, com diversas atrações.

Conhecido por reunir grandes multidões, o Samba Brasília é uma máquina de números que impressionam. Foram mais de 210 mil pessoas em quatro edições, quase 60 horas de música e, claro, momentos inesquecíveis de samba no pé. Isso sem contar os encontros memoráveis entre os maiores nomes do estilo, como Péricles e seu filho Lucas Morato, Mumuzinho e Turma do Pagode, Belo e Thiaguinho, e vários outros.

Em 2016, o evento retorna à cidade com nova proposta: um festival de ícones. Assim, se apresentam no palco do Samba Brasília o projeto A Gente Faz a Festa, que reúne Péricles, Thiaguinho, Chrigor e Pinha em uma grande homenagem ao Exaltasamba; o grupo Molejo; a banda querida da capital, Sorriso Maroto; a carismática Turma do Pagode; um encontro memorável entre os sambistas Xande de Pilares e Arlindo Cruz, que se apresentam no mesmo palco; além do carioca cheio de simpatia, Mumuzinho.

Diferente dos últimos anos, em 2016 o Samba Brasília aposta em uma estrutura que concentre o público e ofereça experiências mais intensas, por isso, o evento terá um único e grande palco por onde passarão todos os artistas. O formato das apresentações também muda: se antes cada artista tinha pouco mais de uma hora para cantar, agora o público assistirá shows completos, revivendo sucessos antigos e curtindo hits modernos de todos os grandes nomes escalados.

A produção do Samba Brasília é assinada pela Festa Cheia e Carlos Constantino Produções Artísticas. Os ingressos para o festival já estão à venda pelo site Bilheteria Digital e nas suas lojas físicas. Os valores variam entre R$ 70 e R$ 440, em três áreas (Prime, Samba Lounge e Goldstage).

SERVIÇO – SAMBA BRASÍLIA 2016
Quando: 17 de setembro de 2016, a partir das  15h
Onde: Estacionamento do Estádio Nacional Mané Garrincha
Ingressos (valores referentes à Mega Promo/Meia Entrada):
Área Prime Feminino - R$ 70
Área Prime Masculino - R$ 80
(Área Prime conta com Local na frente do palco, Bar e Banheiros exclusivos, Open Bar de Cerveja, Vodka, refri, e água e Praça de Alimentação)
Samba Lounge Feminino - R$ 110
Samba Lounge Masculino - R$ 130
(Samba Lounge conta com camarote elevado com vista privilegiada dos shows, acesso a frente do palco, Bar e Banheiros exclusivos, Open Bar de Cerveja, Vodka, refri, suco e água e Praça de Alimentação)
Goldstage Feminino - R$ 200
Goldstage Masculino - R$ 220
(Área Goldstage fica localizada atrás do palco com acesso a área exclusiva na frente, conta com Bar e Banheiros exclusivos, Pista de Dança com DJ, Open Bar de Cerveja, Vodka, Whisky, refri, suco e água e Praça de Alimentação)
Pontos de venda: Lojas Bilheteria Digital (Pátio Brasil, Liberty Mall, Alameda Shopping e Central de Ingressos do Brasília Shopping) ou pelo site www.bilheteriadigital.com
Classificação indicativa: 18 anos
Mais informações: (61) 4007-1108

PROGRAMAÇÃO DETALHADA

A Gente Faz a Festa

Parece que foi ontem, mas faz 30 anos desde a fundação de um dos mais promissores grupos de samba e pagode do país: o Exaltasamba. Com início que remete à segunda metade da década de 1980, em São Bernardo do Campo, o Exalta, como ficou conhecido pelos fãs mais carinhosos, ganha um revival em 2016. Para a alegria dos fãs, os cantores Chrigor, Péricles e Thiaguinho, ex-vocalistas do grupo, se unem novamente para contar a história de sucesso de suas carreiras na turnê A Gente Faz a Festa.

A trajetória do Exaltasamba remete, também, à história do pagode no Brasil e à criação de três grandes ídolos nacionais, os vocalistas que por longos anos representaram o conjunto e hoje têm grande visibilidade com seus trabalhos autorais. Com 17 discos e quatro DVDs gravados, a banda se reúne para reviver sua trajetória de 30 anos. Além de Thiaguinho, Péricles e Chrigor, a turnê A Gente Faz a Festa conta, também, com a presença de Pinha, integrante ilustre da banda, que circula pelo Brasil ao lado de Péricles.

Molejo

Comemorando 25 anos da primeira formação, o grupo Molejo é uma das atrações mais pedidas pelo público do Samba Brasília. Composta por Anderson Leonardo, Lúcio Nascimento, Robson Calazans, Jimmy Batera, Marquinhos Pato e Claumirzinho, a banda vem apresentar o “Baile do Molejão”, último trabalho que comemora os muitos anos de estrada.

Tendo despontado em uma época em que se dividia o samba clássico das aventuras sambistas que envolviam humor e outros ritmos, o Molejo viu sua carreira decolar com o sucesso “Caçamba”, em 1994. Depois disso o que seguiu foi uma sequência de grandes sucessos, tais como “Dança da Vassoura”, “Cilada” e vários outros ainda muito vivos na memória do público.

Sorriso Maroto

Banda conhecida por seu carisma e pagode romântico, o Sorriso Maroto vem para matar a saudade do público brasiliense que está há um tempo sem curtir os hits do grupo. Apresentando a novíssima turnê “De volta pro amanhã”, Bruno Cardoso, Sergio Jr, Cris Oliveira, Fred Araújo e Vini Augusto trazem repertório diversificado, com canções do último álbum – homônimo à turnê – e grandes sucessos do passado. Ao longo dos 18 anos de carreira do grupo, músicas antigas como “Fica combinado assim”, “Futuro prometido” se tornaram indispensáveis nos shows, ao lado de novas como “Dependente”, formando um setlist que promete muitas emoções.

Turma do Pagode

Formada por Fabiano Art, Neni Art, Caramelo, Leiz, Leandro, Filé, Rubinho, Marcelinho TDP e Thiagão, a Turma do Pagode é sucesso Brasil afora há mais de 15 anos. A carreira já começou diferente: em uma época em que o pagode romântico reinava, os meninos de São Paulo queriam mesmo era tocar samba dos bons e, para isso, montavam suas rodas por onde passavam. E foi com essa energia e muito suingue que a Turma do Pagode conquistou o Brasil. Donos de hits como “Puxa, agarra e beija”, “A gente tem tudo a ver” e “Lancinho”, os meninos prometem um grande show dentro do Samba Brasília.

Xande de Pilares e Arlindo Cruz no mesmo palco

Responsável por promover encontros grandiosos entre os principais artistas de samba e pagode do Brasil, o Samba Brasília surpreende mais uma vez com uma programação pra lá de especial: Xande de Pilares e Arlindo Cruz no mesmo palco. O encontro, que nasceu no Samba Recife 2016, por iniciativa dos produtores dos dois eventos, Augusto Aciole e Carlos Constantino, chega à Capital unindo os maiores clássicos do repertório dos dois artistas.

De um lado, Xande de Pilares, voz do grupo Revelação por mais de 20 anos, atualmente em carreira solo. Compositor de mão cheia, membro do elenco do esquenta e puxador de samba enredo, ele é dono de grandes sucessos como “Bola pra Frente” e “Perdoa”, além de outros grandes sucessos do estilo. Do outro lado, o mestre Arlindo Cruz, com mais de 40 anos de carreira. Descendente de uma linhagem musical que está nas origens do samba na Casa da Tia Ciata, com Donga, Pixinguinha e Joāo da Baiana, passando pelas rodas de samba promovidas por Candeia, chegando aos pagodes no Cacique de Ramos e o grupo Fundo de Quintal, Arlindo Cruz carrega com propriedade e orgulho o legado das religiões afro-brasileiras.

Juntos, Xande e Arlindo fizeram parcerias que marcaram o país, como “Samba de Arerê” e a canção “Mainha me ensionou”, gravada por Maria Rita. Promessa de um show de grandes sucessos e muitas emoções no Samba Brasília.

Mumuzinho

Mumuzinho conquista pela simpatia, alegria e carisma. O ator e cantor vem ganhando espaço e se firmando no cenário contemporâneo do samba. Em 2012, lançou seu primeiro CD no mercado musical, intitulado “Dom de Sonhar”, com o apoio de grandes personalidades do gênero, como Zeca Pagodinho, Arlindo Cruz e Dudu Nobre. Em 2013 lançou também seu primeiro DVD, pelo canal Multishow. Em 2015, apresentou o álbum “Fala Meu Nome Aí”, cuja música de trabalho, “Design”, alcançou o top 10 nas principais rádios do país. O carioca faz parte do elenco fixo do programa “Esquenta”, ao lado de Regina Casé e outros sambistas. Para o Samba Brasília, sucessos como “Se Eu Tivesse o Poder”, “Curto Circuito”, “Dom de Sonhar”, “Receita de Amor” e “O Tempo e o Mistério” são esperados.

==> Foto: Paulo Cavera

0 comentários:

Postar um comentário