NATHAN, BART & LIEVEN NO CLUBE DO CHORO

Quem diz jazz da Bélgica, diz Jazz Manouche ou Gypsy Jazz. Django Reinhardt, o famoso padrinho mundial deste gênero, nasceu na Bélgica em 1910 e foi o primeiro a misturar o fogo da música cigana com mais jazz tradicional (swing jazz).

Ele cresceu graças também à inspiração de muitos músicos de jazz em todo o mundo. Embora a Bélgica seja um país pequeno, tem uma cena de jazz bastante expressiva, onde ainda se encontra músicos que continuaram a tradição de Django de uma forma contemporânea. São tocados swingjazz exuberantes, intercalados com músicas lentas preciosas.

Mas como o Jazz não se deixa copiar, este trio também irá permitir-se a liberdade de não pintar dentro das linhas para colorir no idioma do swing. Daems, Vervaeck e Van Pee deixam muitos elementos para além do jazz tradicional surgirem em sua diversão.

Daems (saxofone), por exemplo, baseia-se em um amplo contexto de música oriental. Pee (contrabaixo) é um mestre no campo do jazz moderno e improvisação, combinando técnica impecável com um tom mais sujo e terroso. Vervaeck (guitarra) tem então a propriedade, como Django Reinhardt, de tocar de forma extremamente cativante e a cada vez mais surpreendente.

Este é um trio que realmente agita a plateia e muitas vezes supera-se na pura diversão do improviso casual, como o jazz deve ser.

A apresentação acontece dia 23 de Maio de 2016 – segunda-feira a partir das 21:00 horas. Ingressos: R$ 15,00 (meia) e R$30,00 (inteira)

Informações: Tel.: 3224.0599. Ingressos: Clube do Choro de Brasília – SDC BLOCO “G” - Funcionamento da bilheteria: 2ª a 6ª feira: 10:00 às 22:00 horas. Sábado a partir de 19:00 as 21:30 horas, ou através do site: www.clubedochoro.com.br

O Clube do Choro de Brasília fica entre a Torre de TV, o Centro de Convenções e o Planetário.
Não recomendado para menores de 14 anos

==> Foto: Divulgação

0 comentários:

Postar um comentário