Sinfônica do Teatro Nacional faz concerto acompanhada por tablet

Seis concertos gratuitos e de acesso livre — que não precisam de ingressos — integram a programação da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro em março. Regidos por Claudio Cohen, os músicos iniciam as apresentações na terça-feira (1º), com um repertório clássico que passeia por Bach, Haydn e Debussy. O evento será às 20 horas, no Santuário Dom Bosco (702 Sul).

A novidade é a peça Concerto para iPad e Orquestra, composição de Ned MacGowen — flautista norte-americano radicado na Holanda. "Será uma ótima forma de mostrar a fusão entre as inovações e a música erudita", avalia Cohen.

Rafael de Abreu Ribeiro mostrará sons digitais em um tablet. "Ele seguirá partituras e será um solista como outro qualquer", afirma o regente titular do grupo, que também se apresenta em 8 de março, no Teatro Pedro Calmon (Setor Militar Urbano), às 20 horas.

Na mesma noite, o pianista Mike Del Ferro cumprirá uma programação que inclui Maurice Ravel, Georges Bizet, Martin Fondse, Ennio Morricone e Tom Jobim. Em 11 de março, o holandês voltará a tocar com a orquestra às 20 horas, no Sesc Ceilândia (QNN 27, Lote B, Ceilândia Norte).

O maestro convidado Jorge Lisboa Antunes comandará o espetáculo em 15 de março, no Auditório Planalto do Centro de Convenções Ulysses Guimarães (Eixo Monumental), às 20 horas. O solista Carlos Gontijo participará da obra Fantasia para Saxofone e Orquestra, do compositor brasileiro Heitor Villa-Lobos. Compõem o programa clássicos de Haydn e de Beethoven.

Em 22 de março, às 20 horas, o Auditório Planalto, do Centro de Convenções Ulysses Guimarães, receberá o maestro Ênio Antunes, que regerá repertório de Vilani Cortes, Osvaldo Lacerda, Dvoràk e Mozart.

Fechando a programação do mês, os músicos subirão ao palco do mesmo auditório, às 20 horas, para apresentar peças de compositores russos. "Queremos fazer uma homenagem aos ritmos como valsa e polca", explica Claudio Cohen. Sob o comando do regente, a orquestra tocará Kachaturiam, Schostacovitch, Nikolay Edward Artemyev, Rachmaninoff e Schumann, ao lado do pianista Fernando Calixto.

Gabriela Moll, da Agência Brasília

==> Foto: Agência Brasília

0 comentários:

Postar um comentário