CCBB apresenta Mostra Infantojuvenil de Cinema e Inovação de 2 a 21 de fevereiro

Em meio às mudanças de comportamento causadas pela pandemia e frente a um período de desafios para a humanidade, surge em Brasília um projeto cultural que convida seus participantes ao sonho, ao conhecimento e ao diálogo com o novo mundo.

Organizada pela Moveo Filmes, o Centro Cultural Banco do Brasil Brasília apresenta, de 02 a 21 de fevereiro, Desenhando Futuros: Mostra Infantojuvenil de Cinema e Inovação, evento inédito que exibirá novas produções infantojuvenis do Cinema Brasileiro, acompanhada de atividades paralelas que apostam na inovação.  

 

As sessões serão exibidas na sala de cinema do CCBB, ao ar livre e em programação on-line. Tudo será realizado dentro de procedimentos preventivos para que o público se sinta bem e seguro para essa aventura.

 

O público é convidado inicialmente a sonhar com filmes de aventura, animação, ficção científica, entre outros gêneros, todos recentes. Ao longo de duas semanas, será possível participar, com distanciamento social, de exibições presenciais na Sala de Cinema e no vão livre do CCBB Brasília. A programação de filmes também estará disponível pela Plataforma www.innsaei.tv de 15 até 21 de fevereiro.

 

A curadoria selecionou filmes que apontam para o futuro dessa nova geração, cujos tópicos trazem reflexões como a superação dos próprios medos, caso de Tito e os Pássaros, premiado longa-metragem de Gabriel Bitar, Gustavo Steinberg e André Catoto. Atualíssima, a animação narra as aventuras de um jovem destemido que aposta nos pássaros para enfrentar uma pandemia global.

 

Neste sentido, outros temas também serão abordados na mostra como a importância de sonhar (Cabeças, curta-metragem de Bruna Carolli), o cuidado com a natureza (Pingo de respiro, curta-metragem de Jackson Abacatu), e o valor das relações afetivas (O Véu de Amani, curta-metragem de Renata Diniz). Os filmes foram organizados em programas para uma experiência interativa e conjunta entre toda família, e com indicação de faixa etária recomendada.

 

Paralelamente às exibições de filmes, uma série de quatro oficinas propõe a materialização dos sonhos e o estímulo à inventividade. A primeira, sobre Stop Motion, voltada para crianças, ensina a como dar vida a objetos inanimados. Já os adolescentes terão a chance de dar asas à imaginação com a oficina de criação de vídeo 360º. Por fim, o evento oferece duas oficinas de Finanças - uma voltada para público infantil e outra para público adolescente. A ideia é incentivar essa galera a estabelecer, desde já, suas prioridades financeiras como parte de um trabalho necessário para se atingir os sonhos.

 

E para criar um diálogo mais estreito entre essas ações, a mostra será apresentada por Bume, uma personagem que vem do futuro para conduzir a plateia a uma reflexão sobre os tópicos evocados pelos programas, organizados por uma equipe de curadoria especializada. O intuito é estimular no público infantojuvenil um olhar para o futuro com destaque para tópicos abordados de forma inovadora: a superação, o planejamento, o sonho e a aceitação.

 

Exibição ao ar livre – Durante a realização da mostra, será montada uma estrutura de projeção no vão livre em frente à biblioteca (próximo ao restaurante Carpe Diem). O objetivo é proporcionar ao público a experiência desse formato de exibição lúdico. Serão dois dias de exibição na área externa – nos sábados, dias 6 e 13 de fevereiro -, com três projeções em cada dia, para público de até 50 pessoas (de 10 a 15 famílias), com o espaçamento entre os lugares garantidos pela organização para que o público se sinta confortável e seguro.

 

 

SOBRE AS OFICINAS:

 

Oficinas de Finanças para Crianças e Adolescentes

Serão duas oficinas presenciais - uma para público infantil com o tema "Como conquistar os nossos sonhos?" e outra para adolescentes - com a temática "Profissão - Empreendedor". As aulas serão ministradas nos dias 7/2 (para crianças) e 14/2 (para adolescentes) às 11h por Paula Andrade, da Escola da Infância. São 15 vagas, incluindo o responsável pela criança ou adolescente. Para estimular a interação familiar, recomendamos que todos menores estejam acompanhados.

 

Oficina de Stop Motion

A ser ministrada pela cineasta/animadora Raquel Piantino, durante os intervalos das sessões ao ar livre no sábado, dia 6. Com duração de 20 minutos, as famílias irão conhecer a técnica desenvolvida por Raquel, de maneira a poder praticar em casa. Essa oficina é destinada a crianças entre 5 e 10 anos, com a participação dos pais ou responsáveis. A ideia é despertar a criatividade para o desenvolvimento de novas atividades lúdicas no âmbito familiar. As oficinas serão realizadas para um grupo familiar de até seis pessoas para garantir a segurança dos participantes. Crianças precisam estar acompanhadas do responsável. Horários: 13h, 13h30, 14h, 16h30, 17h e 17h30.

 

Oficina de Vídeo 360º

Nesta oficina futurista, ministrada por Victor Ekström no dia 13, os participantes serão desafiados a pensar novas fronteiras no audiovisual. Voltada para adolescentes de 11 a 17 anos e com duração de 1h30, a oficina apresentará técnicas para a realização de vídeos 360º em smartphones e incluirá gravação na área verde do CCBB, além de edição e visualização do material produzido. A participação garantirá a aquisição de 1 (um) óculos VR, que, acoplado ao smartphone, permite a experiência do vídeo 360º. Podem participar até 10 pessoas, incluindo os responsáveis. Para estimular a interação familiar, recomendamos que todos menores estejam acompanhados. Horários: 14h e 16h.

 

 

SERVIÇO:

 

Desenhando Futuros: Mostra Infantojuvenil de Cinema e Inovação

Data: 2 a 21 de fevereiro de 2021

Sessões presenciais no Cinema do CCBB – ver horários na programação

Sessões ao ar livre - dias 6 e 13 de fevereiro -, com três exibições em cada dia, no vão em frente à biblioteca, para público de até 50 pessoas (de 10 a 15 famílias)

A programação de filmes estará disponível pela Plataforma www.innsaei.tv de 15 até 21 de fevereiro, exceto "Tito e Os Pássaros".

Confira na programação da mostra os horários e classificação indicativa dos filmes.


Ingressos: Os ingressos (gratuitos) para as sessões presenciais e oficinas serão disponibilizados no dia da sessão, a partir das 9h. Poderão ser adquiridos até quatro (04) ingressos por CPF. Acesse o site do evento: www.desenhandofuturos.com.br.

 

Obs: para as exibições ao ar livre e oficinas, serão permitidos grupos de até 6 pessoas por conta das medidas de segurança.

Confira as normas de visitação e segurança referentes ao COVID-19 no site bb.com.br/cultura e na emissão do ingresso

 

Local: Centro Cultural Banco do Brasil - Brasília

CCBB Brasília

Aberto de terça-feira a domingo das 9h às 21h

SCES Trecho 2 – Brasília/DF Tel: (61) 3108-7600


Vídeos:

Vivi Lobo e o Quarto Mágico, de Isabelle Santos (PR, 2019, 13 min) - https://www.youtube.com/watch?v=Yc3FvXDlPvc

Cabeças (DF, 2017, 9 min) - https://vimeo.com/229734376

Colméia, de Karinna de Simone (SP, 2018, 8 min) - https://youtu.be/7qkINnS4HwA

Pingo de respiro, de Jackson Abacatu (MG, 2019, 1 min) - https://vimeo.com/343219785

Tito e os Pássaros, de Gustavo Steinberg, Gabriel Bitar e Andre Catoto (SP, 2019, 1h13)- https://www.youtube.com/watch?v=JnK0l1OTwfU

O Véu de Amani (DF, 2018, 15 min), de Renata Diniz - https://vimeo.com/338761634

UrSORTUDO (DF, 2017, 15 min), de Januário Jr. - https://vimeo.com/211135073

Foguete, de Pedro Chaves (DF, 2020, 15 min) - https://g1.globo.com/df/video/trailer-do-curta-foguete-de-pedro-henrique-chaves-8887396.ghtml

==> Foto: Divulgação

0 comentários:

Postar um comentário