O AMOR É FILME - Uma adaptação de "Lisbela e o Prisioneiro" entra em cena

Lisbela e o Prisioneiro é um mergulho em nuances brasileiríssimas do interior nordestino. Escrita originalmente por Osman Lins e lançada em 1964, a obra foi adaptada para o cinema em 2003, com a direção de Guel Arraes. A comédia romântica reflete a rebeldia contra o autoritarismo presente no interior de Pernambuco em meados do século 20. Em curtíssima temporada no Teatro Brasília Shopping, a Companhia Monstros DF traz ao palco O Amor é Filme, uma adaptação do trabalho de Lins, nos dias 29 de fevereiro e 1º de março, sábado e domingo, às 20h. A classificação indicativa é 12 anos.

Com direção de Gleyce Lima, que também produz o espetáculo ao lado de Kathlen Amado, O Amor é Filme mostra também que a graça não é saber o que acontece, é saber o que acontece e quando acontece. " O Amor é Filme é uma deliciosa comédia digna de muitas emoções e risadas. O público estará ainda mais próximo dos truques e falcatruas do adorável sem-vergonha Leléu até ele conhecer sua amada Lisbela no interior do, até então, pacato povoado de Vitória do Santo Antão”, adianta a diretora.

Companhia Monstros DF
Criada em 2016 pela professora Gleyce Lima, a Companhia Monstros DF nasceu da necessidade de fazer teatro com adolescentes sem infantilizá-los, entrando em temas clássicos como "A ópera do malandro", ou polêmicos, como o espetáculo "Pavilhão 9", inspirado no Carandiru. As adaptações do grupo recebem sempre uma roupagem moderna e críticas atuais. Independente, a companhia participou da mostra Dulcina de teatro em 2017 e fez sua última apresentação no teatro Sesc Silvio Barbatto em 2019.


SERVIÇO:

O Amor é Filme
Local: Teatro Brasília Shopping
Data: 29 de fevereiro e 1º de março, sábado e domingo, às 20h
Ingressos: R$20 inteira e R$10 meia
Venda antecipada na bilheteria do Teatro Brasília Shopping
Classificação indicativa: 12 anos

==> Foto: Divulgação

0 comentários:

Postar um comentário