Novo espetáculo de James Festerseifer

A Cia. Fictícia de Teatro apresenta seu primeiro espetáculo, MERDA!. Com texto e direção de James Fensterseifer, o espetáculo é uma comédia dramática onde os atores Ivan Zanon e Felix Saab divertem o público com ironia e discutem as possibilidades de se fazer teatro como meio de vida.

MERDA! tem estréia marcada para o dia 06 de abril na Casa dos 4 (708 Norte), o mais recente teatro de Brasília. Com 50 lugares (cadeiras individuais), o teatro é aconchegante e tem ar condicionado para os dias de calor.

Trajetória da Cia:
O produtor, dramaturgo, iluminador e diretor James Fensterseifer lançou em julho do ano passado no Jogo de Cena a Cia. Fictícia de Teatro com a encenação da novela em três capítulos mensais, Sigo Te Amando - Embora Desorientado.

A ideia da criação da companhia foi possibilitar aos atores desenvolverem um trabalho onde a comédia despretensiosa pudesse se mesclar a um debate mais sério, sobre as características da profissão de artista das artes cênicas.

Ora usando metalinguagem ora discurso direto, o trabalho dos fictícios é aliar, de forma consciente, o divertido ao discurso profundo, entretendo com armadilhas para reflexão.

A ideia deu tão certo que James resolveu encenar um dos seus textos, escrito para a Cia Brasilienses de Teatro (madrinha dos fictícios), para ser usado como primeira incursão da nova cia. a encenação de um espetáculo. O texto escolhido faz parte de uma trilogia escrita pelo diretor com a preocupação de falar de conflitos atuais e próximos aos bastidores teatrais. Dessa trilogia, o diretor já encenou Uma & Outra (2015) e tem guardado o monólogo Uma Peça de Teatro.


SERVIÇO:

MERDA!
Data: De 06 a 22 de abril de 2018 / sexta a domingo 20h
Texto e direção: James Fensterseifer
Elenco: Ivan Zanon e Felix Saab.
Local: Casa dos 4 (SCLRN 708, Bloco F, Loja 42 / 3264-7900)
Ingressos: R$ 40,00 e R$ 20,00 (meia)
Classificação indicativa: 14 anos.
Produção: Desvio Produções / Elisa Mattos 98425-6885
Apoio: Cia Brasilienses de Teatro

==> Foto: Adla Marques

0 comentários:

Postar um comentário