PROGRAMAÇÃO DE ABRIL DA CAIXA CULTURAL


Artes Visuais
Coleção Brasília – Patrimônio Cultural da Humanidade
A CAIXA Cultural Brasília expõe obras pertencentes ao Acervo Artístico CAIXA e que foram encomendadas a vários artistas em 1987, ano em que a UNESCO concedeu a Brasília o título de Patrimônio Cultural da Humanidade. Inspirado nas formas criadas por Oscar Niemeyer, nos habitantes da capital e no povo brasileiro, o conjunto de trabalhos exposto inclui artistas como Cláudio Tozzi, Wagner Hermuche, Athos Bulcão, Aldemir Martins e Calasans Neto, dentre outros.

Local: Galeria Acervo
Visitação: até 16 de julho. Terça-feira a domingo, das 9h às 21h 
Classificação Indicativa: Livre para todos os públicos
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal
Contato Produção: CAIXA Cultural Brasília | caixamuseu.df@caixa.gov.br | 61 3206-9450


Música
Solo Música – Nei Lisboa
Em sua quinta temporada em Brasília, a série Solo Música traz, a cada mês, um concerto de música instrumental ao Teatro da CAIXA. Valorizando a diversidade musical e trazendo instrumentistas nacionais e internacionais, os recitais apresentam um repertório único e surpreendem o público com instrumentos musicais pouco conhecidos. Estreando a nova temporada, conheça o cantor e compositor gaúcho Nei Lisboa, que apresenta um repertório que une MPB, música tradicional gaúcha e rock.

Local: Teatro da CAIXA
Dia: 5 de abril
Hora: Quarta-feira, às 20h
Classificação Indicativa: Não recomendado para menores de 12 anos
Duração: 90 minutos
Ingressos: À venda a partir de 1º de abril | R$ 20 e R$ 10 (meia)
Meia-entrada: Estudantes, professores, funcionários e cli entes CAIXA, pessoas acima de 60 anos e doadores de 1kg de alimento não perecível
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal
Contato: Diana Leiko | diana@atelierbrasilia.com | 61 98132-4929


Teatro
Teatro dos Seres Imaginários
Livremente inspirado em “O Livro dos Seres Imaginários”, de Jorge Luís Borges e Margarita Guerrero, essa peça de teatro minimalista proporciona uma experiência única de encenação a poucos centímetros dos olhos. Com direção de Carlos Sena, os bonecos são manipulados em caixas suspensas e os espectadores vivenciam o espetáculo com a cabeça em escotilhas, bem próximos desse universo inesperado e vibrante.

Local: Jardim das Esculturas (área externa à CAIXA Cultural Brasília)
Dias: 7 a 16 de abril
Hora: Sexta-feira, das 18h às 22h; sábado e domingo, das 17h às 21h
Classificação Indicativa: Não recomendado para menores de 10 anos
Duração: 10 minutos
Capacidade: 18 pessoas por apresentação
Ingressos: Entrada franca. Participação por ordem de chegada
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal
Contato: Guilherme Tavares | umnomecomunicacao@gmail.com | 61 99218-5001


Música
Samba de Bamba – Alex Ribeiro
Exaltando um dos gêneros mais populares do país, o projeto Samba de Bamba traz, a cada mês, artistas de diversos estados que cantam o mais autêntico samba. As apresentações contam com nomes da nova geração que reverenciam grandes sambistas e renovam o ritmo com composições autorais. O cantor e instrumentista Alex Ribeiro se apresenta em abril homenageando o pai, o sambista Roberto Ribeiro, com um repertório que inclui canções como “Todo menino é rei” e “Estrela de Madureira”.

Local: Teatro da CAIXA
Dia: 12 de abril
Hora: Quarta-feira, às 20h
Classificação Indicativa: Não recomendado para menores de 12 anos
Duração: 90 minutos
Ingressos: À venda a partir de 8 de abril | R$ 20 e R$ 10 (meia)
Meia-entrada: Estudantes, professores, funcionários e clientes CAIXA, pessoas acima de 60 anos e doadores de 1kg de alimento não perecível
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal
Contato: Guilherme Tavares | umnomecomunicacao@gmail.com | 61 99218-5001


Artes Visuais
Pelos Ares – 15042 km de Brasil
O expedicionário de paramotor Lu Marini apresenta os registros de viagem de nove anos de jornada por várias regiões do país. Com a curadoria de Gabriela Nebot, a exposição reúne fotos, vídeos e objetos que retratam, do alto, a atuação do homem na natureza e que, de perto, revelam também a multiplicidade cultural e as proporções da degradação ambiental no Brasil. A mostra é dividida em seis temas: Atlântico, Pantanal, Transamazônica, Rio Tietê, Rio São Francisco e Rio Doce.

Local: Átrio dos Vitrais
Visitação: até 16 de abril. Terça-feira a domingo, das 9h às 21h
Classificação Indicativa: Livre para todos os públicos
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal
Contato: Amanda Guerra | amandaguerra@gmail.com | 61 98353-6392


Teatro
Jogo de Cena
Os apresentadores e comediantes Welder Rodrigues e Ricardo Pipo, integrantes da “Cia. de Comédia Os Melhores do Mundo”, comandam esse espetáculo que apresenta a produção cultural da cidade e que é garantia de boas gargalhadas. Criado em 1985, o Jogo de Cena é um evento mensal genuinamente brasiliense que, num formato de programa de auditório dividido em variados quadros, diverte e envolve o público em inusitadas brincadeiras.

Local: Teatro da CAIXA
Dia: 19 de abril
Hora: Quarta-feira, às 20h
Classificação Indicativa: Não recomendado para menores de 12 anos
Duração: 120 minutos
Ingressos: À venda a partir de 15 de abril | R$ 20 e R$ 10 (meia)
Meia-entrada: Estudantes, professores, funcionários e clientes CAIXA, pessoas acima de 60 anos e doadores de 1kg de ali mento não perecível
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal
Contato Produção: James Fensterseifer | jogodecena@gmail.com | 61 99615-2405


Dança
Quando se calam os anjos
Com direção de Nicole Vanoni, o espetáculo Quando se calam os anjos é uma montagem daCuritiba Companhia de Dança e se inspira na precariedade das relações humanas, retratando-as de forma poética e visual. A coreografia de Airton Rodrigues se recria sob um jogo de luz, sons e movimentos e traz uma crítica aos relacionamentos superficiais e à incapacidade humana de lidar e resolver questões essenciais no mundo virtual atual.

Local: Teatro da CAIXA
Dias: 21 a 23 de abril
Hora: Sexta-feira e sábado, às 20h; domingo, às 19h
Classificação Indicativa: Livre para todos os públicos
Duração: 45 minutos
Ingressos: À venda a partir de 15 de abril | R$ 20 e R$ 10 (meia)
Meia-entrada: Estudantes, professores, funcionários e clientes CAIXA, pessoas acima de 60 an os e doadores de 1kg de alimento não perecível
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal
Contato: Caína Castanha | cainacastanha@gmail.com | 61 98100-2753


Cinema
Festival Internacional Brasil Stop Motion
O Teatro da CAIXA recebe um festival que exibe filmes de animação nacionais e internacionais dentro de uma mostra competitiva. Realizado desde 2011 em Recife, o festival é o único na América Latina dedicado a essa tradicional técnica de animação e, pela primeira vez, sai da capital pernambucana para a capital federal. Serão exibidos mais de 70 filmes de vários países, sendo seis deles brasileiros. A programação do festival inclui também oficinas e uma sessão especial com audiodescrição. 

Local: Teatro da CAIXA
Dias: 26 a 30 de abril
Programação completa no site: www.brasilstopmotion.com.br
Ingressos: Entrada franca limitada à lotação do teatro
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal
Contato: Rodrigo Machado | drigo.machado@gmail.com | 61 98654-2569


Artes Visuais
Diáspora – Josafá Neves
A exposição com obras do artista Josafá Neves apresentam a riqueza cultural perpetuada como legado dos africanos que foram retirados de sua terra natal e trazidos para o Brasil. As esculturas, pinturas e gravuras expostas, com a curadoria de Bené Fonteles, retratam de forma poética e contundente o patrimônio imaterial da cultura afro-brasileira e a religiosidade de matriz africana, além de representar figuras icônicas da cultura brasileira.

Local: Galeria Principal
Visitação: até 14 de maio. Terça-feira a domingo, das 9h às 21h 
Classificação Indicativa: Livre para todos os públicos
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal
Contato: Carmem Moretzsohn | objetosim@gmail.com | 61 98142-0111


Artes Visuais
Caixa-Preta – Celso Brandão
A mostra individual do fotógrafo Celso Brandão chega à Brasília, após estreia em Paris neste mesmo ano. O também cineasta e documentarista alagoano percorre várias décadas de registros fotográficos em preto e branco e apresenta, de forma poética e intensa, a sua visão peculiar do cotidiano no interior brasileiro.  São índios, negros e brancos revelados em suas expressões mais marcantes e realistas por meio de suas crenças e da cultura popular.

Local: Galerias Piccola I e II
Visitação: até 14 de maio. Terça-feira a domingo, das 9h às 21h 
Classificação Indicativa: Não recomendado para menores de 14 anos
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal
Contato: Clara Camarano | baucomunicacao@daiblog.com.br | 61 98154-3111


Artes Visuais
Rubem Valentim - Construção e Fé
Com curadoria de Marcus de Lontra Costa, essa mostra apresenta pinturas, relevos e esculturas do artista baiano Rubem Valentim. Suas obras sintetizam em formas geométricas as simbologias místicas de matriz africana e se destacam na arte moderna construtivista e concretista brasileira. Um artista vanguardista que, ao residir em Brasília na década de 1960, incorpora de forma única a tridimensionalidade à sua obra.

Local: Galeria Vitrine
Visitação: até 28 de maio. Terça-feira a domingo, das 9h às 21h 
Classificação Indicativa: Livre para todos os públicos
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal
Contato: Rodrigo Machado | drigo.machado@gmail.com | 61 98654-2569

0 comentários:

Postar um comentário